quinta, 19 de maio de 2022
Cidade

Guerreiro abre piscina do Aracy para uso da população

“A piscina é da prefeitura municipal, todos têm direito de usar”, destacou Guerreiro

25 Jan 2022 - 10h17Por Redação São Carlos Agora
Piscina do Centro da Juventude Lauriberto José Reyes - Crédito: divulgaçãoPiscina do Centro da Juventude Lauriberto José Reyes - Crédito: divulgação

O Diretor do Departamento de Orçamento Criança e Adolescente, da Secretaria de Infância e Juventude, Leandro Guerreiro fez algo jamais visto: abriu a piscina do Centro da Juventude Lauriberto José Reyes, localizado no bairro Cidade Aracy, para uso da população pela primeira vez na história. 

“A piscina foi feita para uso da população, tem que ser aberta. Uma covardia o que fizeram com essas pessoas, pois em 10 anos o povo não pode chegar perto. Administrações covardes se esconderam atrás de ONGs e projetos, não permitindo que a população pudesse usar”, disse Guerreiro.

O diretor também destacou trabalho importante realizado pelas ONG’S. “Esses projetos irão continuar, pois beneficiam muito a nossa população. Porém, as pessoas também querem aproveitar um momento de lazer na piscina e estamos proporcionando isso pela primeira vez. Isso só foi possível pela confiança que o prefeito Airton Garcia me deu, sou muito grato pela oportunidade. Ele esteve no local e ficou muito feliz ao ver as crianças se divertindo”. 

Na segunda-feira (10), Guerreiro contou com o trabalho voluntário do Dr. Lennon Tiossi, médico, que realizou exames médicos gratuitamente nas crianças e adolescentes interessados em tomar banho na piscina. Foram realizados mais de 100 exames na ocasião. “Somos são-Carlenses e fazemos o que for pelas nossas crianças. Quando criança, nadei muito na piscina municipal e sei o quanto esse trabalho é importante”, disse o médico. 

REFORMA-Após dois anos abandonada, a piscina foi restaurada em dois meses de trabalho de Guerreiro e reinaugurada em dezembro de 2021. Um ponto a se destacar é que parte da obra foi feita com doações e trabalho voluntário, o que gerou uma economia de R$ 30 mil aos cofres públicos.

Além da pintura do local e reforma da piscina, outro problema enfrentado era a falta de segurança, com seguidos casos de furtos e a entrada de pessoas para consumir drogas no local. Guerreiro relatou que foi instalado um alarme, que em breve estará conectado à central da Guarda Municipal, uma câmera de segurança e também foi contratado um controlador de acesso, a fim de garantir a preservação da integridade do local. 

A piscina está funcionando de acordo com as regras dos órgãos de Saúde e está equipada com placas de sinalização, internet, vestiários e banheiros com torneiras e chuveiros. Esse trabalho foi fruto dos esforços da Secretária de Infância e Juventude, Ana Beatriz Sodelli; do Secretário de Segurança Pública, Samir Gardini e do Secretário de Obras Públicas, João Muller.

Leia Também

Últimas Notícias