Menu
quarta, 28 de outubro de 2020
Cidade

Greve dos Correios afeta parcialmente São Carlos

22 Set 2009 - 16h40Por Redação São Carlos Agora
A greve dos Correios, iniciada na semana passada, está afetando parcialmente a cidade de São Carlos. De acordo com a Assessoria de Comunicação da  empresa,  o índice de adesão dos trabalhadores no interior do estado é de 4,7% e a categoria já começa a voltar ao trabalho. A estimativa é de que 3,8 milhões de objetos postais sejam entregues com atraso por conta da paralisação dos trabalhadores, que reivindicam melhores salários.

Ainda de acordo com a assessoria, as agências estão funcionando normalmente, mas serviços com hora certa, como Sedex Dez, Sedex Hoje, Sedex Mundi e Disque Coleta, por precaução, permaneciam suspensos até o final da tarde de ontem. O Sedex comum, segundo a assessoria, funciona normalmente, porém, sem garantia de prazo para entrega.

Em São Carlos, segundo informações não oficiais, os dois centros de distribuição, do Centro e da Vila Prado, foram parcialmente afetados pela greve. No centro, a informação é de que sete dos 52 funcionários aderiram à paralisação, o que não chegou a causar prejuízos à distribuição. Já na Vila Prado, informações apuradas no início da greve, davam conta de que 80% do movimento poderia ter sido afetado.

A diretora do Procon da cidade, Juliana Rossi, orientou os consumidores que precisam de serviços dos Correios, sobretudo os que estão aguardando faturas e boletos de pagamento, para que procurem uma agência para saber se a correspondência está disponível. Caso não esteja, o consumidor deve entrar em contato com a empresa responsável pela emissão do documento solicitando uma alternativa para que o pagamento possa ser feito em dia.

Quem perder o prazo de pagamento em função da greve deve tentar a emissão de uma segunda via de documento. Caso não seja possível nenhum acordo e o consumidor se sinta prejudicado, ele poderá entrar com ação contra os Correios.

O Tribunal Superior do Trabalho determinou funcionamento parcial das agências e marcou para quinta-feira uma audiência de conciliação entre as partes.

As informações são do Jornal da Intersom.
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias