quarta, 18 de maio de 2022
Economia

‘Geração de emprego na indústria deve melhorar em 2022’, diz Emerson Chu

Perspectiva da direção do Ciesp São Carlos nasce da retomada que tem sido percebida na indústria regional nos últimos meses

03 Jan 2022 - 06h56Por Redação
Passados dois anos de pandemia, as indústrias ainda sentem os reflexos do período, como aumento de custos e gargalos na logística - Crédito: DivulgaçãoPassados dois anos de pandemia, as indústrias ainda sentem os reflexos do período, como aumento de custos e gargalos na logística - Crédito: Divulgação

Depois de mais um ano com tantas restrições devido à pandemia, começa a despontar uma luz no fim do túnel, que já permite enxergar a retomada da indústria. “Tenho certeza de que a geração de emprego na indústria deve melhorar na nossa região em 2022, especialmente se continuarmos nesse ritmo de retomada que temos visto em nossa região”, afirma Emerson Chu, diretor titular do Ciesp São Carlos.

Ainda há muitos desafios pela frente e não podemos dizer que as indústrias já estão a todo vapor. Mas as perspectivas são boas. No apagar das luzes de 2021, ano em que encerra a sua gestão à frente do Ciesp, Chu faz uma avaliação da economia local, especialmente no que diz respeito às indústrias e à geração de empregos.

“Apesar das pausas que a pandemia exigiu em tantos setores, a indústria não precisou parar em nenhum momento. Logo no início de 2020, estabelecemos os protocolos de segurança à saúde, que nos permitiram seguir em frente, garantindo a segurança dos colaboradores. Contudo, quando o comércio e o setor de serviços pararam, a indústria sentiu os reflexos, porque a demanda diminuiu”, relembra.

Outro problema enfrentado nesse período, e que ainda está presente em alguns setores, é a falta de matéria-prima, o que, muitas vezes, obrigou as indústrias a suspender as atividades, encontrando alternativas, sempre que possível, para não dispensar os colaboradores.

“Vimos muitas empresas da nossa região dando férias coletivas para os funcionários, às vezes por falta de uma peça ínfima, mas extremamente necessária para a conclusão do processo. E chegamos a ver algumas demissões, mas entendo que foram ajustes pontuais, que sempre ocorrerão no setor industrial. Por um motivo ou por outro, os ajustes acabam sendo necessários”, explica Chu.

Expectativas para 2022

Passados dois anos de pandemia, as indústrias ainda sentem os reflexos do período, como aumento de custos e gargalos na logística. Sem contar a escassez de matéria-prima. Contudo, se se o panorama geral continuar evoluindo, a pandemia se retrair e a economia encontrar espaço para expandir, 2022 deve ser um ano muito melhor.

“A tendência é ver uma expansão das indústrias, inclusive com geração de empregos, o que é muito positivo porque sabemos que os postos de trabalho abertos têm reflexos diretos na economia local, bem como na autoestima das pessoas. Mas é preciso que elas colaborem”, ressalta Chu.

Em um fim de ano em que as pessoas estão começando a reencontrar suas famílias, reunir os amigos e retomar a vida, torna-se ainda mais importante estar atento aos detalhes “Cada um tem que fazer a sua parte, usando máscaras, evitando aglomerações em lugares fechados e tomando a segunda ou a terceira dose da vacina. Aqui em São Carlos, vimos que muitas pessoas ainda nem tomaram a segunda dose, e é a isso que precisamos estar atentos”, destaca.

Encerramento da gestão

No último dia de sua gestão como diretor titular do Ciesp São Carlos, Emerson Chu faz um resumo das diversas realizações do período, destacando que tudo só foi possível graças ao apoio da Diretoria, composta também por Marcos Henrique dos Santos e Paulo Giglio. Ambos continuam no mandato, com Santos à frente da entidade. Luiz Antonio de Oliveira completa o trio na gestão 2022-2025.

Entre os trabalhos desenvolvidos na gestão de Emerson Chu (2018-2021) estão as comemorações aos 70 anos do Ciesp São Carlos, ocorridas em 2019, quando houve a revitalização das galerias de fotos dos Diretores dos Industriais do Ano, a revitalização do busto de Germano Fehr Junior, 1º Diretor do Ciesp São Carlos, e a criação da cápsula do tempo, que guarda histórias das indústrias para ser aberta em 2049.

Ainda durante a gestão, foram realizadas diversas reuniões presenciais e virtuais com aumento dos participantes, reuniões com o Conselho e com instituições para apoio aos industriais, como Caixa Econômica Federal, CPFL e Fatec, e realização de cursos e treinamentos.

A atual Diretoria conseguiu promover uma importante aproximação do Poder Público para discutir assuntos de interesse da Indústria, com reflexos em toda a sociedade, como foi o caso da construção do piscinão do CDHU e da pavimentação do Parque São José.

Durante a pandemia, o Ciesp também se manteve próximo à gestão pública, para debates as questões de saúde pública e ampliar as discussões de atuação da indústria. Como resultado das ações entre os industriais, foram doados colchões pneumáticos para a Santa Casa e para o Hospital Universitário, máscaras para a comunidade local, além de roupas, mantimentos e fraldas geriátricas para entidades assistenciais.

Uma ação que se tornou referência e foi ampliada para além dos associados foi a criação do grupo de RH do Ciesp – o Alfa 2030. Com mais de 80 participantes, o grupo promove uma troca de informações entre os gestores de RH, fortalecendo a atuação profissional na indústria. Outra ação importante foi a retomada do NJE – Núcleo de Jovens Empreendedores do Ciesp, cuja atuação resultou na realização do Congresso Estadual em São Carlos, reunindo empreendedores de todo o estado.

E, por fim, a atual Diretoria realizou um importante trabalho para criar o censo das indústrias, um levantamento de toda região, que trouxe um panorama do setor industrial. “Esse é um dos trabalhos que ainda precisarão ter continuidade na próxima gestão, mas fico muito feliz ao olhar para trás e ver que conseguimos realizar tantas ações, com o apoio de tanta gente”, comenta. “Desejo aos amigos da nova gestão que tenham um trabalho profícuo e de muito sucesso. Estaremos sempre juntos”, finaliza Emerson Chu.

Leia Também

Últimas Notícias