Menu
quarta, 08 de dezembro de 2021
Câncer de Mama

Fundo Social lança a campanha Outubro Rosa 2018

02 Out 2018 - 07h03Por Redação
Fundo Social lança a campanha Outubro Rosa 2018 - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

O Fundo Social de Solidariedade de São Carlos lançou na tarde desta segunda-feira, 1, no auditório do Paço Municipal, a Campanha Outubro Rosa, que tem como objetivo compartilhar informações sobre o câncer de mama, promover a conscientização sobre a doença, proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade.

A presidente do Fundo Social de Solidariedade, Lucinha Garcia, falou da importância da conscientização sobre a doença e sobre a detecção precoce do tumor. “Aqui em São Carlos são oferecidos pelo SUS mais de 800 mamografias por mês, exame fundamental para detectar a doença. Quando o câncer é encontrado no início o tratamento é menos agressivo e as chances de cura são muito altas. Por isso a importância de levar informações para o maior número possível de mulheres através de palestras, rodas de conversa e atividades relacionadas ao tema”, disse a presidente do FSS que também divulgou que no sábado, dia 6, estão programadas várias atividades na Praça Outubro Rosa, localizada no Jardim Ricetti. “Vamos oferecer durante toda manhã serviços de maquiagem e design de sobrancelhas, além de rodas conversas com especialistas. Já a caminhada será no dia 27 de outubro, às 16h, com concentração e saída na Praça Coronel Salles”.

Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), a estimativa é de 60 mil novos casos por ano em mulheres cada vez mais jovens, e quanto mais cedo o diagnóstico, mais chances de cura. “Precisamos conscientizar as mulheres sobre a importância da detecção precoce porque nós sabemos que detectando precocemente, o câncer de mama tem mais chance de cura e os tratamentos são mais conservadores, evitando uma mutilação. Hoje, temos aqui as meninas do GAICAM que são exemplos dessa superação”, disse Alessandra Groppa, psicóloga e supervisora do Ambulatório Oncológico.

O prefeito Airton Garcia ressaltou que para fazer a mamografia a paciente deve se dirigir a uma unidade básica ou de saúde da família. “O médico do postinho faz o pedido do exame que pode ser feito rapidamente, já que não existe fila de espera para o procedimento”.

A vereadora Cidinha do Oncológico representou a Câmara Municipal e falou da importância do trabalho realizado na cidade. “É uma conscientização coletiva. Infelizmente, essa doença é a maior causa de morte das mulheres no país. Juntos, podemos reverter esse quadro, levar informações sobre a doença e conscientizar sobre a prevenção e, sobretudo, garantir à mulher o direito à vida”, afirmou a vereadora que é autora do projeto de lei que instituiu outubro como o mês de luta e prevenção ao câncer de mama no município e da Lei Nº 17.605/15 que institui nos hospitais de São Carlos, credenciados ao Sistema Único de Saúde (SUS), o Programa de Cirurgia Plástica Reconstrutiva da Mama, destinado às mulheres que sofreram mutilação total ou parcial da mama, decorrente do tratamento para o câncer.

O município também possui o Ambulatório Oncológico que hoje atende 262 pacientes diagnosticadas com câncer de mama e que hoje fazem o tratamento por meio de quimioterapia.

O câncer de mama de caráter genético/hereditário corresponde a apenas 5% a 10% do total de casos da doença. Homens também podem ter câncer de mama, mas somente 1% do total de casos é diagnosticado em homens.

Após abertura oficial da Campanha o coral e a orquestra do Grupo de Apoio Interdisciplinar de Câncer de Mama (GAICAM) fizeram uma apresentação especial para o público. No saguão da Prefeitura, no Espaço Paço, também foi aberta a exposição “Extravaganza Superação Rosa” do fotógrafo Carlos Matos. Os painéis expostos mostram a superação de mulheres que tiveram o tumor, mas que com fé, ousadia, criatividade e alegria de viver, superaram o tratamento e hoje auxiliam outras mulheres que enfrentam a doença.

Também participaram da abertura do programa “Outubro Rosa” o vereador Rodson Magno, profissionais da área da saúde, pacientes, secretários municipais e representantes da imprensa.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias