Menu
domingo, 19 de setembro de 2021
Cidade

Escola Álvaro Guião ganhou novo sistema de iluminação decorativa

27 Ago 2010 - 17h42Por Redação São Carlos Agora

Representando o prefeito de São Carlos Oswaldo Barba, o secretário municipal de Governo Rosoé Donato, participou na quinta-feira (26) da inauguração da iluminação decorativa da escola estadual Dr. Álvaro Guião, projeto implementado pela Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL) ao custo de R$ 65 mil e que terá o pagamento da energia mensal feito pela Prefeitura de São Carlos.

O conjunto de iluminação é composto por 76 refletores, 4,5 mil metros de fiação que passam por cerca de 450 metros de tubulações subterrâneas e será controlado automaticamente por timer (que ditará quando refletores deverão acender e apagar).

Acompanharam também a contagem regressiva de inauguração da iluminação os alunos da escola, Omleto Landuci Júnior e Alexandre Chamas Filho, respectivamente diretor comercial e gerente regional da CPFL, o chefe de gabinete da Secretaria Estadual de Educação, Fernando Padula, a dirigente regional de ensino, Debora Gonzales, a diretora da escola Regina Célia Garcia Ferreira, a presidente da Fundação Pró-Memória, Ana Lúcia Cerávolo e o vereador Marquinho Amaral representando o poder legislativo municipal.

Rosoé Donato, cumprimentou a direção da escola que completará 100 anos em 2.011 e a CPFL pelo investimento na iluminação que valoriza a escola que é patrimônio histórico da cidade e teve o prédio tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat) no dia 7 de novembro 1985. “Em nome do prefeito Oswaldo Barba quero parabenizar a CPFL por mais este investimento em São Carlos, uma empresa parceira do município em vários projetos. E, com essa parceria, quem ganha sempre é a população porque tem uma cidade cada vez mais iluminada, segura e bonita”.

Donato lembrou ainda que desde 2001, a Prefeitura de São Carlos está construindo políticas de proteção ao patrimônio histórico como a criação do Conselho Municipal de Defesa do Patrimônio Artístico e Ambiental de São Carlos (Condephas), a legislação que incentiva a preservação dos prédios históricos através do desconto no IPTU nos imóveis, o lançamento em 2009 do projeto “Percursos”, com placas de identificação e mapas em locais estratégicos da cidade, cuja finalidade é identificar os imóveis declarados de interesse histórico-cultural, permitindo que a população e os visitantes conheçam o patrimônio arquitetônico e as alterações na área urbana de São Carlos.

Para a diretora do Álvaro Guião, Regina Ferreira, a iluminação da área externa da fachada da escola é um marco importante. “Este é um momento marcante, o primeiro presente de centenário prestado pelos amigos desta escola”, disse.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias