Menu
sábado, 27 de fevereiro de 2021
Cidade

Embrapa Pecuária Sudeste participa de Pint of Science

24 Mai 2016 - 16h56Por Redação
Foto: Divulgação - Foto: Divulgação -

As vacas são mesmo as grandes culpadas pelo aquecimento global? A pesquisadora Patrícia Perondi Anchão Oliveira, da Embrapa Pecuária Sudeste, vai responder essa e outras questões nesta terça-feira, 24, durante o festival internacional de divulgação científica Pint of Science. No bate papo desta noite, a partir das 19h30, no bar Vila Brasil, o tema será "Vacas, puns, arrotos e seus efeitos sobre o planeta". A proposta do Pint of Science, que ocorre até quarta-feira, 25, é levar o cientista para falar diretamente com o público em um ambiente descontraído.

Patrícia recebe os convidados Carlos Henrique Brito de Assis Prado, professor da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), e Simone Bezerra, jornalista vencedora do Prêmio Embrapa de Reportagem edição especial 40 anos, na categoria rádio, com entrevista sobre o tema pecuária e gases de efeito estufa.

A iniciativa acontece simultaneamente em mais 11 países além do Brasil. No país, o evento está sendo realizado em São Carlos (SP), Belo Horizonte (MG), Campinas (SP), Dourados (MS), Ribeirão Preto (SP), Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP). A programação pode ser acessada em: http://www.pintofscience.com.br/

O evento é gratuito e as pessoas só pagam pelo consumo nos locais de cada bate-papo.

PECUÁRIA E GASES DE EFEITO ESTUFA

O aumento dos Gases de Efeito Estufa (GEE) na atmosfera é apontado como uma das principais causas das mudanças climáticas e do aquecimento global.

O Brasil hoje figura entre os quatro maiores produtores nas principais cadeias de produção animal, condição que deve ser mantida nas próximas décadas. Com isso tem sido alvo de preocupações internas e externas, já que os sistemas de criação desses animais contribuem com a emissão de GEE.

Atento ao cenário de mudanças climáticas, o país firmou compromisso internacional de reduzir os GEE emitidos pela agropecuária até o ano 2020.

A Embrapa Pecuária Sudeste lidera a rede de pesquisa Pecus, que tem a missão de avaliar o balanço entre as emissões de gases de efeito estufa (GEE) e os sumidouros ("sequestro") de carbono dos vários sistemas de produção da pecuária, inseridos nos principais biomas brasileiros, em busca de uma pecuária sustentável. A rede está medindo o nível das emissões dos sistemas tradicionais e o potencial de mitigação (redução de emissões e remoção de GEE da atmosfera) dos sistemas bem manejados, em âmbito nacional.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias