Menu
segunda, 02 de agosto de 2021
Cidade

Elaboração do Plano Municipal de Educação discute temas étnico-raciais

08 Ago 2011 - 19h30
0 - 0 -

As discussões para a construção do Plano Municipal de Educação prosseguem e a educação étnico-racial foi o tema de uma plenária que aconteceu na semana passada, quarta-feira (3) no auditório Bento Prado Júnior do Paço Municipal. Os palestrantes foram a professora Petronilha Beatriz Gonçalves, Evaldo Ribeiro Oliveira, Flávio Santiago e Ellen de Lima Souza, todos professores do Núcleo de Estudos Afro Brasileiros (Neab) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).

Durante a plenária a professora Petronilha sugeriu metas e objetivos para o tema. As sugestões foram votadas. Entre as metas eleitas está garantir a todas as crianças, jovens e adultos o direito de aprender a combater o racismo e as discriminações. Também foram aprovadas outras metas, como inserir na política pedagógica e planos de ensino a educação das relações étnico-raciais, ampliar e intensificar a oferta de atividades na Sala de Africanidades, que funciona no Centro Municipal de Cultura Afro-brasileira "Odette dos Santos.

"O Plano Municipal de Educação é uma discussão de todos e irá definir os rumos da educação pelos próximos dez anos. Por isso é importante que todos participem", esclarece Lourdes Moraes, secretária de Educação de São Carlos.

Para obter mais informações sobre a elaboração do Plano em São Carlos basta consultar, no site da Prefeitura, o Portal da Educação. Os interessados também podem retirar na Secretaria de Educação uma cartilha que foi desenvolvida sobre o assunto.

O Plano Municipal de Educação é um conjunto de diretrizes, metas e estratégias construídas coletivamente com a participação da sociedade para atender às necessidades da educação do município. Trata-se de um planejamento baseado em dados estatísticos, educacionais e demográficos da realidade do município e prevê ações para uma década com avaliação a cada dois anos pelo Conselho Municipal de Educação. Para a criação do Plano é necessária a participação da comunidade e de profissionais da educação em atuação conjunta.

Próximo discussão - A próxima plenária livre em que serão debatidos temas sobre a educação étnico-racial será no próximo dia 17, às 19h, no Centro Municipal de Cultura Afro-brasileira, que fica na rua D. Alexandrina, 844, Centro.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias