Menu
segunda, 08 de março de 2021
Cidade

Defesa civil faz previsão do clima para o Outono

04 Abr 2016 - 21h01
0 - 0 -

A Defesa Civil de São Carlos traçou uma previsão do clima para o Outono, que se iniciou no dia 20 de março e segue até o dia 20 de junho de 2016. Por se tratar de uma estação de transição entre o verão e inverno, a estação será marcada com características de ambas, ou seja, com mudanças rápidas nas condições de tempo, com destaque para a maior frequência de nevoeiros em locais serranos, em especial, com o alerta para os veículos que trafegam em rodovias como a Washington Luís.

"A previsão para os próximos meses é de redução das chuvas, que embora possam chegar a São Carlos a mais de 100 milímetros, considerada média do município. Assim a tendência é de que as temperaturas tornam-se mais amenas devido à entrada de massas de ar frio, com temperaturas mínimas que variam entre 12ºC a 18ºC, podendo chegar a valores inferiores a 10ºC nas madrugadas. As temperaturas máximas oscilam entre 18ºC e 28ºC", explica o diretor da Defesa Civil, Pedro Caballero.

Além das previsões para o Outono, o diretor da Defesa Civil também destacou o significativo aumento das chuvas no último verão. "O verão foi uma estação com superávit de chuvas com limites acima do dobro, em torno de 100% a mais, das médias dos últimos 10 anos, possivelmente por efeito do fenômeno El Niño, e que se deve manter ou até aumentar no próximo verão, ainda neste ano de 2016", destacou ele.

Com isso, mesmo com as entradas de massas de ar frio, pode haver chuva forte de alta intensidade, mas de curta duração, associada com rajadas de ventos fortes e granizo, pela rápida ação da massa de ar frio nas nuvens.

 

CHUVAS DE MARÇO - Mesmo com somente uma entrada de massa de ar frio causar chuvas fortes no dia 10 passado, teve-se um total de precipitação de 282,9 milímetros, com uma média de 173,8 mm nos últimos 10 anos, ultrapassou em 108,4 mm, o que equivale a 162,7 %, a mais de chuvas.

São Carlos teve 21 dias com chuvas, a maioria convectivas de curta duração associadas com rajadas de ventos fortes e granizo, causando transtornos em diversos pontos da cidade, como no dia 23 passado com muitas árvores colapsadas (entorno de 40) e fiação quebrada, causando corte no fornecimento de energia elétrica.

 

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias