Menu
sábado, 17 de abril de 2021
Cidade

Criança que teria ingerido cloro não corre risco de morte

07 Fev 2018 - 06h53Por Redação
Foto: Maycon Maximino - Foto: Maycon Maximino -

Uma criança de 1,6 ano foi socorrida na tarde de terça-feira, 6, e atendida com urgência no Hospital Universitário. Ela teria ingerido cloro em sua casa, localizada na rua 3 no Antenor Garcia.

A criança passou mal, perdeu a consciência e a mãe, após massagem cardíaca, conseguiu reanimá-la.

A Unidade Resgate do Corpo de Bombeiros encaminhou a criança ao HU e foi atendida prontamente.

No final da tarde, a assessoria de imprensa do hospital divulgou nota oficial dando ciência que a criança deu entrada consciente e recebeu atendimento necessário. Segundo o corpo médico a pequena vítima não chegou a ingerir água sanitária e se já alimentou, mas encontra-se internada em observação e não corre risco de morte.

A NOTA

"O Hospital Universitário Profº. Dr. Horácio Carlos Panepucci da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) informa que a criança deu entrada no hospital já acordada, não tendo sofrido parada cardiorrespiratória. O paciente recebeu o atendimento necessário da equipe do HU-UFSCar e foi constatado que não houve a ingestão de água sanitária. No momento, já se alimentou e encontra-se em observação, seguindo o protocolo médico para esse tipo de ocorrência. Não há risco de morte.".

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias