Menu
quinta, 22 de outubro de 2020
Religião

Corpus Christi leva seis mil fiéis ao ginásio Milton Olaio

31 Mai 2018 - 13h16Por Redação
Corpus Christi leva seis mil fiéis ao ginásio Milton Olaio - Crédito: Daniel Silva e Reiza Lopes Crédito: Daniel Silva e Reiza Lopes

O Bispo Diocesano de São Carlos, Dom Paulo Cezar Costa, na manhã desta quinta-feira, 31, presidiu a solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo, no ginásio municipal de esportes Milton Olaio Filho, no Vicariato São Carlos Borromeu, acompanhado dos Presbíteros e diáconos transitórios e permanentes deste Vicariato. Aproximadamente seis mil fiéis, vindos das 34 paróquias e das cidades de Itirapina, Ribeirão Bonito e Dourado, estiveram presentes para manifestar publicamente a fé na presença real de Jesus Cristo, na Eucaristia.

A SOLENIDADE

No início da solenidade, o Vigário Episcopal do Vicariato São Carlos Borromeu, Padre Carlos Alberto Giacone, acolheu com grande alegria os fiéis presentes e, destacou o dia de Corpus Christi: “Irmãos e irmãs, esta festa é uma espressão verdadeira e popular da fé católica. Fé que mobiliza as pessoas, para manifestarem sua crença em Cristo e na Eucaristia, sejam bem vindos”, enfatizou.

Ao acolher a comunidade católica presente na celebração, o Bispo Diocesano enfatizou que Jesus está vivo e presente no meio de nós, por meio de sua palavra, e, especialmente, na Eucaristia: “Que tenhamos amor para com aquele que é o centro da nossa vida, o centro da nossa fé, Jesus Cristo presente na Eucaristia”, disse.

Durante a homilia, Dom Paulo Cezar enfatizou a importância desta Solenidade, intimamente ligada à instituição da Eucaristia: “Estamos aqui, afirmando que a Eucaristia é a grande riqueza da Igreja, pois, é o próprio Cristo que se dá a nós, através do pão e do vinho consagrado. Também nós, podemos dizer: é Ele mesmo, pois este pão é Cristo”.

O Bispo Diocesano, destacou ainda, que neste ano adoramos o Senhor eucarístico, tendo diante de nós as prioridades Diocesanas: Igreja, Casa da Palavra e da formação do discípulo missionário, com o olhar voltado aos leigos e jovens.

Dom Paulo Cezar, ainda em suas palavras, enfatizou que a eucaristia nos compromete com a missão. Uma Igreja autenticamente eucarística é uma Igreja missionária: “Não podemos reservar para nós o amor de Cristo que celebramos na eucaristia. Por isso, a eucaristia é fonte e ápice não só da vida da Igreja, mas também, da missão. Não há nada mais belo do que encontrar-se com Cristo, viver de Cristo e comunica-lo aos outros”, disse.

O Bispo Diocesano encerrou dizendo aos presentes, que é preciso deixar que Eucaristia plasme, verdadeiramente, a nossa vida de discípulos missionários.

MOMENTO DE ORAÇÃO

Após o Rito da Comunhão, houve a exposição do Santíssimo Sacramento. O Bispo Diocesano, realizou, em quatro pontos dentro do ginásio, um momento de oração e silêncio, refletindo sobre: A Palavra, Missão, Juventude e Laicato. No altar central, Dom Paulo Cezar abençoou a todos com o Santíssimo Sacramento e encerrou a celebração.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias