Menu
domingo, 25 de outubro de 2020
Protesto continua

Chuva forte atrapalha e movimento para baixar preço dos combustíveis ‘esfria’

21 Mai 2018 - 08h38Por Marcos Escrivani
Protesto para baixar o preço dos combustíveis continuará no final de semana - Crédito: DivulgaçãoProtesto para baixar o preço dos combustíveis continuará no final de semana - Crédito: Divulgação

Uma conjunção de fatores fez com que o movimento iniciado por consumidores sofresse uma queda neste sábado, 19, quando foi realizada a segunda etapa do protesto onde motoristas pararam seus veículos em postos de combustíveis e abasteceram somente R$ 1, pagaram com cartão de crédito e exigiram nota fiscal.

O movimento foi marcado para às 10h de sábado, quando desabou uma forte chuva e intimidou consumidores que iriam participar do ato reivindicatório. Aliado a chuva, havia um forte vento e a queda brusca da temperatura.

Diante das adversidades da natureza, poucos motoristas comparecerem para o movimento que foi realizado com os que estiveram presentes.

Apesar da queda de participantes, a autônoma Gisele Simões garantiu ao São Carlos Agora na manhã desta segunda-feira, 21, que o protesto continua e no próximo final de semana será realizada a terceira etapa.

“Durante a semana vamos nos reunir e conversar também nas redes sociais (grupo de WhatsApp). Vamos chegar a um denominador comum e definir o melhor dia e o melhor horário. Queremos que os consumidores participem, pois a meta é baixar o preço dos combustíveis. Os beneficiados seremos todos nós”, disse Gisele.

Ela reforçou que o movimento é pacífico e reivindicatório. “Não queremos atrapalhar ninguém. Prejudicar ninguém. Apenas que os combustíveis tenham um preço mais competitivo em São Carlos. Queremos que as autoridades municipais (prefeito Airton Garcia, vereadores e Procon) estejam ao nosso lado e trabalhem por nós”, emendou Gisele.

REDE BR

Um movimento paralelo acontece nas redes de WhatsApp para que nenhum consumidor de São Carlos abasteça nos postos que tenham a bandeira BR. Segundo os manifestantes, o estabelecimento pratica um dos preços mais elevados da cidade;

ASSALTO

Outro assunto debatido nas redes sociais foi o assalto ocorrido em um posto localizado na rodovia Washington Luís (SP-310) – sentido interior-capital – neste final de semana.

Segundo os debatedores virtuais, o estabelecimento estava praticando o preço mais competitivo na microrregião, vendendo o etanol a R$ 2,59.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias