Menu
sábado, 18 de setembro de 2021
Cidade

Campanha quer ajudar esposa e dois filhos de motoboy que faleceu no Dia das Crianças

No dia 17 de setembro, Gustavo Sacheti foi vítima de acidente de trânsito; Saúde se agravou e ele morreu devido a hemorragia interna

16 Out 2017 - 13h03
Foto: Divulgação - Foto: Divulgação -

O Dia das Crianças, dia 12 de outubro, foi de muita consternação para a família de Gustavo Sacheti, motoboy de 25 anos, que morreu na Santa Casa após sofrer quatro paradas cardíacas e ter como diagnóstico hemorragia interna.

Ele deixou a esposa Sandy Letícia Valverde e suas filhas, Yasmin e Lyria, respectivamente, de 9 anos e 1 ano e 1 mês.

A morte repentina fez com que esposa e filhas passassem por extrema necessidade, pois estão sem alimentos, leite e fraldas (tamanho extra G). Desempregada e sem condições de sustentar as filhas, Sandy necessita ainda de recursos financeiros para poder pagar aluguel, contas de água e energia elétrica. Pelo menos neste reinicio de caminhada. Agora sem o marido e o pai de suas filhas.

Diante de tanta dificuldade, uma campanha denominada #AMIGOSDOGUSTÃO teve início no sentido de angariar recursos financeiros, alimento, leite e fraldas (extra G) para que Sandy, Yasmin e Lyria deem os primeiros passos.

"Ele era meu melhor amigo. Um cara batalhador, honesto e que era um exemplo de pessoa. Deixou a esposa e duas filhinhas e estamos na luta para que possamos dar dignidade, conforto e carinho para elas neste momento tão difícil", disse Jonathan Ferreira da Silva, funcionário público.

De acordo com ele, a morte de Gustavo causou muita comoção e surpresa e amparar a família era o mínimo que poderia fazer. "Estamos fazendo esta campanha e esperamos contar com a solidariedade das pessoas. Qualquer quantia será bem-vinda. Alimentos, leite e fraldas também", disse Jonathan.

"A família inclusive está sem dinheiro até mesmo para pagar o funeral. Por isso estamos em busca de recursos para esta ajuda", afirmou.

Quem puder fazer qualquer doação deve se dirigir até a casa de Sandy, na rua Arnold Almeida, nº 50, Cidade Aracy II. Ou ainda entrar em contato pelos fones 99360-7912 ou 98172-9884.

FATALIDADE

No dia 19 de setembro, por volta das 24h, enquanto exercia suas atividades profissionais, o motoboy Gustavo sofreu um acidente de trânsito.

Sofreu ferimentos e uma forte pancada. Foi medicado e retornou para casa e trabalhava normalmente. "Ele vivia a vida. Era um lutador", lembra Jonathan.

Entretanto, a felicidade de Gustavo foi abreviada. Às 6h30 do dia 12 de outubro, quinta-feira, feriado dedicado ao Dia das Crianças e à padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, Gustavo com agravamento de sua saúde foi internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da Santa Casa.

Sofreu quatro paradas cardíacas e às 23h30 não suportou os problemas de saúde e morreu. O diagnóstico foi hemorragia interna. "Foi muito triste e desolador. Resta para nós as boas lembranças e o excelente amigo que era. Deixou muita saudade", finalizou Jonathan.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias