Menu
quarta, 04 de agosto de 2021
Cidade

Barba e Newton participam de manifesto em favor da indústria nacional

09 Fev 2012 - 17h42
0 - 0 -

O prefeito Oswaldo Barba e o deputado federal Newton Lima participaram, na manhã desta quinta-feira (9), do manifesto em defesa do emprego e da produção nacional. A estimativa do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo é que 14 entidades sindicais participaram do evento, que também serviu para prestar solidariedade aos trabalhadores de São Carlos, importante polo de fornecimento de peças para a linha branca, que é composta por fogões, geladeiras, máquinas de lavar, entre outros.

A Secretaria de Transporte e Trânsito da Prefeitura contabilizou a participação de 2 mil trabalhadores no protesto, que começou na Praça Itália e terminou na praça Maria Apparecida Resitano (Mercado Municipal).

De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de São Carlos e Ibaté, todos os sindicatos participantes do manifesto reivindicam que a redução do IPI (Imposto Sobre Produtos Importados), feita pelo governo federal à indústria do País, seja acompanhada de contrapartidas como índice mínimo de conteúdo nacional.

Os sindicatos alegam que sem proteção adequada as multinacionais importam componentes em vez de adquiri-los de empresas nacionais.

“São Carlos emprega 12 mil metalúrgicos em 350 empresas. As indústrias local e nacional precisam dessa proteção para a preservação do emprego e manutenção de milhares de famílias”, explicou o prefeito Oswaldo Barba.

“Geramos, nos últimos três anos, 6 mil empregos em São Carlos e, sem dúvida, a indústria protegida e fortalecida, contribui na manutenção desse importante índice”, completou.

O deputado federal Newton Lima enalteceu o desenvolvimento econômico do Brasil que, segundo ele, ocorre, também, em função da indústria nacional e dos incentivos à produção, que começaram no governo do presidente Lula e continuam na gestão da presidente Dilma Rousseff. “No momento em que o país encarou a crise econômica global, o presidente Lula foi corajoso e estimulou a produção industrial. O movimento supra sindical luta para que não haja demissões e, como deputado federal, vamos promover encontros entre os sindicatos e os ministérios da Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior e Fazenda para discutir a ampliação da indústria nacional na produção de componentes que fazem parte da linha branca”, ressaltou.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias