Menu
sexta, 26 de fevereiro de 2021
Cidade

Atividade marca Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

18 Mai 2016 - 19h57
0 - 0 -

A Secretaria Municipal de Cidadania e Assistência Social de São Carlos realizou nesta quarta-feira (18), para marcar oDia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, o "1º Circuito Parceiros do VIII: juntos pela proteção à criança e ao adolescente". O evento foi desenvolvido no Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), localizado no bairro São Carlos VIII, com cinco atividades diferentes relacionadas ao tema.

O "1º Circuito Parceiros do VIII" foi realizado com apoio das secretarias de Esporte e Lazer, Agricultura e Abastecimento,  além das Medidas Socioeducativas, Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, Associação de Moradores Rotary Club e do Centro de Referência Especial de Assistência Social (CREAS).

Participaram crianças e adolescentes atendidos pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos dos Salesianos Dom Luciano e as famílias atendidas e acompanhadas pelo Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do São Carlos VIII.

Durante os dois períodos foram realizadas dinâmicas com crianças, adolescentes e adultos com os temas "Todos juntos na proteção das crianças e adolescentes" (dinâmica do pirulito e fala reflexiva) com a participação de profissionais da Secretaria Municipal de Esportes e do CRAS; "Prevenção na medida", com exposição de bonecos e bate papo sobre cuidados com o corpo e a saúde; "A família na formação da criança e adolescente", com exibição de vídeo e palestra, com a participação de representantes da área cultural e do CRAS e "Dizer não é um direito e garante proteção", com atividade de identificação da figura protetora, atividade também aplicada por profissionais do CRAS.

De acordo com a secretária de Cidadania e Assistência Social, Wiviane Tiberti, o objetivo de todas as atividades realizadas neste mês de  Mobilização para Proteção da Criança e do Adolescente, iniciado no último dia 11, tem como objetivo mobilizar os vários segmentos da sociedade para que esta situação seja erradicada em nosso município. Queremos que as pessoas tenham consciência desse problema e saibam como denunciá-lo", ressalta a secretária.

"Também estamos divulgando todos os programas oferecidos pela Prefeitura que realizam um trabalho de prevenção e de atendimento às vítimas e de seus familiares, caso do Serviço de Atendimento à Criança e ao Adolescente em Situação de Risco, vinculado a nossa Secretaria", finaliza Wiviane Tiberti.

As denuncias podem ser feitas no Serviço de Atendimento à Criança e ao Adolescente em Situação de Risco, localizado no CREAS na rua 13 de maio, 1.732, no centro. Mais informações pelos telefones 3307-5584 ou 3307-7799.

Outros locais que recebem denuncias são: Conselho Tutelar, rua Marechal Deodoro, 2.477, centro, telefone 3371-3930, Delegacia de Defesa da Mulher, rua São Joaquim, 1.348, centro, telefone 3374-1345 ou pelo Disque 100 (Denúncia Nacional de Abuso e Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes), a chamada é gratuita.

 

Pra lembrar Aracelli - O dia 18 de maio foi instituído pela Lei Federal nº. 9.970/2000 como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes com o objetivo de mobilizar e convocar a sociedade brasileira a se engajar no combate à violência sexual de crianças e adolescentes, bem como na defesa de seus direitos. Essa data foi escolhida para lembrar um crime que comoveu todo o país em 1973, o caso da menina Aracelli Cabrera Crespo, de 8 anos, cruelmente assassinada após ter sido drogada, seviciada, espancada e estuprada em Vitória (ES). Paulo Helal e Dante Brito Michelin, filhos de famílias ricas do Espírito Santo, foram acusados pela morte da menina, cujo corpo insepulto ficou três anos na gaveta do Instituto Médico Legal. Em 1980 eles foram julgados e condenados, mas a sentença foi anulada. Em novo julgamento realizado em 1991 os réus foram absolvidos. O caso teve uma repercussão tão grande que virou livro pelas mãos do escritor José Louzeiro com o título "Aracelli, meu amor".

 

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias