Menu
quarta, 20 de outubro de 2021
Com ajuda de amigos

Após 3 anos, são-carlense junta 350 mil lacres e conquista cadeira de rodas para abrigo de idosos

03 Mai 2019 - 09h04Por Marcos Escrivani
Após 3 anos, são-carlense junta 350 mil lacres e conquista cadeira de rodas para abrigo de idosos - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

Muita perseverança, paciência e desejo de ajudar ao próximo. Com a ajuda de vários amigos, a secretária de um escritório de advocacia de São Carlos, Elisângela Lisa Vaccari, 44 anos, conseguiu juntar 350 mil lacres de latas de alumínio e com isso conquistou uma cadeira de rodas que foi entregue nesta quinta-feira, 2, ao Abrigo de Idosos Helena Dornfeld.

Após 1.095 dias foram 140 garrafas pet de 2 litros cheias com aproximadamente 2,5 mil lacres cada uma e que totalizou 350 mil unidades que foram enviadas para o programa Lacre Amigo idealizado pela Arteris/Centrovias e convertidas em uma cadeira de rodas.

“Fomos até ao Abrigo de Idosos e entregamos a cadeira para a diretora Maria Lucia Brito dos Santos. Os assistidos pelo Helena Dornfeld necessitam muito e fico feliz em poder dar essa contribuição”, disse Lisa ao São Carlos Agora.

PERSISTÊNCIA, PERSEVERANÇA

Quando ouvia dizer que havia uma corrente do bem dando conta que ao reunir determinada quantia de lacres de latas de alumínio daria direito a uma cadeira de rodas, Lisa disse que era uma lenda urbana. “Achava que era mentira”, reconheceu.

“Mas com o passar do tempo encontrei uma pessoa que afirmou ter ganho uma cadeira de rodas infantil desta forma. Busquei informações junto a Arteris e vi que era verdade e tratava-se de um programa social. Desde então passei a juntar os lacres e comecei a pedir ajuda para vários amigos. Afinal o lacre normalmente vira lixo ou acaba sendo reciclado”, disse.

Após 3 anos e 350 mil lacres, Lisa afirmou ao SCA que valeu a pena o esforço, a paciência e a união de forças.

“Ter a felicidade de conquistar uma cadeira de rodas e poder doar a alguém que necessita não tem preço. Emociona demais e renova o nosso espírito. Ver a situação que passa os idosos e auxiliar, é gratificante. E isso que passar a cada amigo que me ajudou. É a sensação de uma missão cumprida”, garantiu.

MISSÃO APAE

Se uma missão acabou de ser cumprida, Lisa afirmou que uma nova missão teve início já nesta sexta-feira, 3 de maio de 2019: ela começou a juntar lacres para que uma nova cadeira de rodas seja conquistada e com a parceria do Lacre Amigo, será doada para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae).

“Que a corrente do bem reinicie e que as pessoas que descartam os lacres de alumínio (jogam fora ou reciclam) que procurem guardar e doar para que a meta seja cumprida”, disse Lisa, que colocou seu WhatsApp para doação.

“Quem puder ajudar, agradeço desde já. Meu WhatsApp é 99781-3399. Espero que muitas pessoas possam doar e ajudar alguém a ter mais conforto e dignidade”, finalizou Lisa.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias