Menu
terça, 27 de outubro de 2020
Cidade

Agrishow fica em Ribeirão até 2014

23 Abr 2009 - 11h37Por Redação São Carlos Agora
A Secretaria de Estado da Agricultura assinou na quarta-feira (22) a renovação do convênio com a Abimaq para a permanência da Agrishow em Ribeirão Preto até 2014. O anúncio oficial deve ser feito pelo secretário estadual da Agricultura, João Sampaio (PSDB), na Capital.O acordo foi fechado no início da noite de ontem, no Palácio dos Bandeirantes, mas tanto governo quanto entidades envolvidas com o evento não confirmaram a informação. Com isso, a feira deve ser transferida para São Carlos, como a Abimaq anunciou no ano passado, apenas em 2015.A prefeita de Ribeirão Preto, Dárcy Vera (DEM), diz ter recebido telefonema do governo estadual ontem, por volta de 19h30. “Recebi ligação do Sampaio assim que o convênio foi assinado. O Estado fechou com a Abimaq para ficar aqui até 2014.”O deputado federal Duarte Nogueira Júnior (PSDB), também confirma a renovação do contrato. Ex-secretário da Agricultura no Estado, ele diz ter acompanhado a atual negociação do governo, que começou há mais de dois meses.A Secretaria da Agricultura e o governo foram procurados ontem, mas não responderam sobre a renovação. O presidente da Abimaq, Luiz Aubert Neto, também não foi localizado.O presidente da SRB (Sociedade Rural Brasileira), Cesário Ramalho da Silva, que também preside a Agrishow deste ano, evitou confirmar a renovação do contrato. Ele disse apenas que Estado e entidades envolvidas no evento estariam concluindo os aspectos financeiros. “Estamos tentando terminar até sexta, mas a coisa está quente.”Fonte ligada ao secretário afirmou que Estado e entidades preferiram assinar a renovação por cinco anos antes da próxima edição começar, na segunda-feira. A intenção é evitar que a abertura do evento se transforme em “palanque para disputas políticas.”No último dia 31, Sampaio disse ao A Cidade que já havia garantido a permanência da feira para 2010 e que negociava “por mais alguns anos.” O atual convênio, assinado em 2005, termina em um ano.
Segundo a prefeita, o Estado terá algumas tarefas para melhorar o acesso à area da feira, na Fazenda Experimental, na divisa com Sertãozinho. Pelo novo acordo, haverá uma alteração entre a rodovia e a Via Norte para as próximas edições. A prefeitura também vai investir na infra-estrutura do local. Dárcy diz que o município vai melhorar as condições do asfalto e construir mais banheiros.Crise é ‘culpada’ por renovaçãoA crise financeira mundial contribuiu para a permanência da Agrishow em Ribeirão Preto, diz um diretor da Abimaq que prefere não se identificar.A Abimaq, organizadora do evento, tem de investir R$ 23 milhões para a realização do projeto da Cidade da Bioenergia, em São Carlos. O empreendimento abrigaria a feira após o encerramento do contrato anterior, em 2010, assinado com o Estado.A entidade já teria informado à Prefeitura de São Carlos, nas últimas semanas, que terá de congelar os investimentos.A Cidade da Bioenergia conta ainda com R$ 52 milhões do governo federal, por convênio assinado no ano passado.Mais entidadesO secretário João Sampaio disse no final de março que, se a Abimaq não assinasse, uma feira ocorreria em Ribeirão de qualquer forma, já que outras entidades teriam o procurado. A partir deste ano o contrato passará a ter a assinatura da Abimaq a SRB (Sociedade Rural Brasileira), a Anda (Associação Nacional para Difusão de Adubos) e a Abag (Associação Brasileira do Agronegócio).

Fonte: Jornal A Cidade
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias