Menu
segunda, 20 de setembro de 2021
Cidade

Agentes de trânsito fiscalizam ônibus do transporte rural

15 Fev 2011 - 18h42

A Secretaria de Transporte e Trânsito da Prefeitura de São Carlos realizou na primeira quinzena deste mês a vistoria semestral dos ônibus da empresa que faz o transporte rural dos alunos da cidade.

Os agentes de trânsito verificaram entre outros itens de segurança a condição dos pneus, molas, amortecedores, freio, suspensão, transmissão, cintos de segurança, extintor de incêndio, abertura das janelas, saídas de emergência e condição dos bancos.

Para o diretor de transportes da Prefeitura, Eduardo Giannetti,  a vistoria é importante porque garante o cronograma de manutenção dos veículos. “Isso gera maior segurança aos pais e alunos e principalmente aos passageiros que utilizam este tipo de transporte”, explica.

Educação em números – Na área rural, atualmente, o município transporta cerca de 1.800 alunos de escolas municipais e estaduais, com 54 rotas nos períodos da manhã, tarde e noite. Na área urbana são 110 transportadores escolares cadastrados no município (Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito) que estão autorizados a realizar a atividade, considerando o limite de um veículo a cada dois mil habitantes.

O transporte na área rural de São Carlos tem custo anual de R$ 4 milhões. Pelo convênio, a Prefeitura gasta R$ 2.918.318,00 complementados com R$ 100 mil de recursos do Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (PNAT) do governo federal e R$ 981.682,00 de repasse da Secretaria Estadual de Educação.

Em 2010, a Prefeitura comprou cinco novos ônibus para o transporte escolar rural e as escolas da Rede Municipal de Ensino receberam 400 computadores – sendo 300 notebooks, projetores multimídias e oito lousas digitais para as escolas de ensino fundamental. Além disso, foi implantado o boletim eletrônico que permitirá aos pais acompanharem o desempenho dos alunos na escola, com apresentação das notas e frequência escolar.

O Programa de Alimentação Escolar da Prefeitura fornece merenda para 118 unidades escolares entre creches, escolas de Ensino Infantil, Fundamental e Médio e para os alunos do EJA (Educação de Jovens e Adultos) totalizando 60 mil merendas por dia.

Grande parte dos alimentos da merenda escolar são adquiridos de agricultores familiares cadastrados nos programas Compra Direta Local e Aquisição de Gêneros para a Merenda Escolar. A iniciativa colabora para fixação do homem à terra, garantindo a compra de sua produção, gerando renda e emprego e contribuindo de forma eficiente na elevação da qualidade de vida dos agricultores familiares. Ao mesmo tempo, o programa permite a aquisição de produtos frescos e de excelente qualidade garantindo que os alunos tenham uma alimentação saudável e nutritiva.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias