Menu
domingo, 24 de janeiro de 2021
Cidade

ACISC solicita reforço policial para o final de ano

22 Nov 2011 - 17h57

Na segunda-feira (21), a ACISC (Associação Comercial e Industrial de São Carlos) - representada pelo presidente, Alfredo Maffei Neto, e pelo gerente, José Horácio Petrilli – esteve no 38º Batalhão da Polícia Militar para entregar um ofício ao capitão Paulo César Belonci, solicitando aumento da ronda policial nos principais corredores comerciais da cidade durante o Horário Especial do Comércio.

Nesta oportunidade, Neto explicou que esse reforço policial será necessário especialmente no Alto da Cidade, Centro, Jardim Tangará, Santa Felícia, Vila Nery e Vila Prado, Jardim Tangará, onde há a maior parte de lojas reunidos e que por isso terá o maior fluxo de pessoas. “A segurança é uma preocupação constante dos comerciantes, mas certamente, ela se acentua nessa época do ano, pela maior movimentação de pessoas e pelo horário de trabalho estendido. Por isso viemos solicitar esse respaldo da PM”, justificou.

Belonci, por sua vez, afirmou que fará uma escala especial durante esse período, garantindo que policiais circulem nas regiões onde houver comércio em funcionamento. “Paralelo a esse trabalho, é imprescindível que os empresários tomem alguns cuidados básicos, como por exemplo, evitar rotinas, ou seja, não levem malotes ao banco sempre no mesmo horário, o que facilita a ação de meliantes. Se tiver vitrines, afaste o máximo possível os produtos do vidro divisor; reforce as fechaduras e trancas e, diante de qualquer atitude suspeita, acione imediatamente a PM através do telefone 190”, completa.

Confira dicas importantes de segurança para consumidores:

O capitão Belonci também forneceu algumas dicas para garantir a segurança dos consumidores, principalmente nessa época do ano. São elas:

Na hora de pagar contas, especialmente de valores médios ou altos, leve o cheque preenchido e cruzado. Só faça pagamentos com dinheiro se o valor for baixo;

    Evite abrir a carteira na frente de outras pessoas;

    Evite usar roupas e joias que despertem atenção;

    Permaneça na loja somente o tempo necessário;

    Antes de entrar, verifique se não há qualquer movimentação ou atitude suspeita das pessoas que estejam no interior da loja;

    Evite colocar carteira ou dinheiro nos bolsos de trás de sua calça;

    Desconfie de esbarrões, empurrões ou cotoveladas;

    Tenha especial atenção às pessoas a sua volta. Lembre-se: os assaltantes valem-se, principalmente, do fator surpresa e da desatenção para atacarem suas vítimas;

    Aparente sempre calma, confiança e domínio do que está fazendo e onde quer chegar. Evite demonstrar que está perdido ou procurando por algum endereço ou local;

    Não peça orientações a estranhos. Procure bases da Polícia Militar ou estabelecimentos comerciais;

    Não ande sozinho, especialmente à noite;

    Evite passar por locais desertos e/ou pouco iluminados;

    Evite locais com aglomerações de pessoas, pois facilitam a ação de “batedores de carteira” e oportunistas;

    Computadores portáteis devem ser transportados discretamente. Evite as típicas maletas para notebooks e esteja sempre atento. Seguro deste tipo de equipamento pode ser uma boa alternativa;

    Cuidado ao atender seu celular nas ruas e grandes centros comerciais. Verifique antes se não há ninguém ao seu lado;

    Ao fazer compras em locais de grande circulação de pessoas, mantenha as crianças sempre próximas e ensine seus filhos a conhecerem seu próprio nome, sobrenome, apelido, idade, local onde residem e telefone. Coloque esses dados, através de cartão, nos bolsos ou escreva internamente nas roupas das crianças;

    Caso você seja vítima de roubo, fique calmo e não faça movimentos bruscos. Evite gritar ou discutir. Seu nervosismo poderá aumentar a tensão e provocar uma atitude mais agressiva em seu desfavor;

    Se você notar que está sendo seguido, aja com naturalidade, entre em qualquer lugar público e ligue para a Polícia Militar (tel. 190).

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias