Menu
sábado, 16 de janeiro de 2021
Brasil

Sorteio de julho da Nota Fiscal Paulista premia consumidor de Jundiaí com R$ 50 mil

15 Jul 2013 - 10h43

Um consumidor a cidade de Jundiaí foi o ganhador do principal prêmio do sorteio de julho da Nota Fiscal Paulista. Ele concorreu com 4 bilhetes eletrônicos na 56ª extração do programa e levou R$ 50 mil. O segundo prêmio, de R$ 30 mil, saiu para um morador de Bauru, que concorreu com 13 bilhetes. O prêmio de R$ 20 mil ficou com um consumidor de São Paulo, que participou do sorteio com 159 bilhetes.

Participaram da 56ª extração do programa os consumidores que efetuaram compras no mês de março de 2013 e solicitaram a inclusão do CPF/CNPJ no documento fiscal. Dos 123.102.778 bilhetes eletrônicos gerados, 1,5 milhão foram sorteados. Além dos prêmios principais, os consumidores também concorreram a mais 300 prêmios de R$ 1.000; mil de R$ 250, 15 mil de R$ 50, 76.303 de R$ 20 e 1.407.394 de R$ 10.  O resultado está disponível para consulta no sitewww.nfp.fazenda.sp.gov.br.

O próximo sorteio da Nota Fiscal Paulista, em agosto, será especial em virtude do Dia dos Pais. Os prêmios especiais serão multiplicados por quatro: o primeiro prêmio será de R$ 200 mil, o segundo de R$ 120 mil e o terceiro será de R$ 80 mil. Para participar, o consumidor que pede a Nota Fiscal Paulista deve se cadastrar no site do programa (www.nfp.fazenda.sp.gov.br) e aderir ao regulamento. As adesões até o dia 25 de cada mês permitem a participação já no mês seguinte. Uma vez feito o processo, não é preciso repeti-lo - a participação nos sorteios seguintes é automática. Cada R$ 100 em compras dá direito a um bilhete eletrônico para concorrer.

Sobre o programa Nota Fiscal Paulista

A Nota Fiscal Paulista, criada em outubro de 2007, integra o Programa de Estímulo à Cidadania Fiscal do governo do Estado de São Paulo e reduz, de fato, a carga tributária individual dos cidadãos, que recebem créditos ao efetuar compras de mercadorias em São Paulo. O sistema distribui até 30% do ICMS efetivamente recolhido pelo estabelecimento comercial aos consumidores que solicitam o documento fiscal e informam CPF ou CNPJ, proporcional ao valor da nota.

A devolução é feita em créditos que podem ser acompanhados pela internet e utilizados para pagamento do IPVA ou resgatados em dinheiro. O consumidor também pode solicitar o documento fiscal sem a indicação do CPF/CNPJ e doá-lo a uma entidade de assistência social ou de saúde cadastradas no programa Nota Fiscal Paulista, se assim desejar. Essa é uma decisão pessoal e exclusiva do consumidor.

O programa conta com mais de 15 milhões de participantes cadastrados e, desde seu início, teve mais de 25 bilhões de documentos fiscais processados na Fazenda. No total, a Nota Fiscal Paulista devolveu aos participantes do programa R$ 8,2 bilhões, sendo R$ 7,3 bilhões em créditos e R$ 902,1 milhões em prêmios nos 56 sorteios já realizados.

Para conferir os créditos, aderir ao sorteio ou obter mais informações sobre a Nota Fiscal Paulista, basta acessar o sitewww.nfp.fazenda.sp.gov.br.

 

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias