Menu
domingo, 20 de setembro de 2020
Brasil

Proteja-se: índice ultra violeta está alto em quase todo o Brasil

10 Out 2014 - 09h12Por Tempo Agora

O IUV (Índice Ultravioleta) é medido por uma escala que vai de 0 a 15. Essa medida mostra a intensidade da radiação solar e é relevante aos efeitos sobre a pele humana. Nesta semana no Brasil, esse índice está elevado e hoje, por exemplo, deve chegar a 13 no Acre, Amazonas e Pará. No restante da região Norte, Nordeste e Mato Grosso, o IUV chega a 12. 

A situação é crítica também em Mato Grosso do Sul, Goiás e todo o Sudeste, onde esse índice está em 11. “A radiação solar se torna mais forte ao longo do inverno e primavera, até chegar ao seu ápice no verão. Com maior incidência de raios solares, o IUV também fica mais alto”, explica o meteorologista da Somar Meteorologia, Celso Oliveira. 

Essa radiação é atenuada pelas nuvens, que normalmente se formam e trazem chuva para o Brasil nesta época do ano. Porém, o tempo seco que se instalou na região central do país faz com que o índice fique mais alto. Até mesmo na Amazônia, onde tem chovido, o valor é elevado. “Isso acontece, porque no Norte têm ocorrido pancadas de fim de tarde, ou seja, o dia não fica completamente fechado e por estar na linha do Equador, a incidência do sol é maior”, afirma Oliveira. 

Cuidados

O principal cuidado que as pessoas devem ter quando os raios IUV estão muito altos é se proteger do sol. O uso do filtro solar também é muito importante. A recomendação é não ficar mais do que duas horas e meia em exposição ao sol e usar sempre fator de proteção acima de 30. 

Como não há previsão de chuvas desde o norte do Paraná até o interior do Nordeste até o dia 20 de outubro, o IUV continuará elevado, já que a radiação solar nesta época do ano está um pouco maior do que a habitual.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias