quinta, 11 de agosto de 2022
Brasil

Médico que trabalhava em São Carlos previu há 10 anos desabamento em Capitólio

Pelo menos 7 pessoas morreram depois que a pedra desabou sobre lanchas.

09 Jan 2022 - 08h04Por Redação São Carlos Agora
Postagem feita pelo médico Flávio Freitas em março de 2012 alertava sobre o risco da rocha desabar. - Crédito: reprodução.Postagem feita pelo médico Flávio Freitas em março de 2012 alertava sobre o risco da rocha desabar. - Crédito: reprodução.

O médico Flávio Freitas que por muito tempo trabalhou em São Carlos e Ibaté fez um alerta há 10 anos atrás, através do seu perfil em uma rede social, sobre o perigo da rocha cair no cânion em Capitólio/MG. Ontem, pelo menos 7 pessoas morreram depois que uma lancha foi atingida pela pedra que se soltou do penhasco.

Na época, Freitas passeava de barco pela região quando a cena chamou sua atenção. Registrou uma foto da fenda e postou no Facebook. “Essa pedra vai cair”.

Em entrevista ao jornal Folha de São Paulo, o médico disse que não era preciso ser geólogo para identificar o problema. “Com certeza era uma falha geológica que tinha risco de queda iminente. Passaram quase dez ano para que acontecesse”.

Após exibir novamente a postagem feita no dia 13 de março de 2012, a publicação viralizou e até a manhã deste domingo (9), já havia sido compartilhada 90 mil vezes.

Atualmente Flávio Freitas mora e trabalha em Ilhabela, Litoral paulista.

 

Leia Também

Últimas Notícias