Menu
segunda, 19 de abril de 2021
Brasil

Escolas estaduais promovem discussões sobre a preservação da água

28 Fev 2018 - 08h59Por Redação
Foto: Divulgação - Foto: Divulgação -

A importância de se ter um olhar voltado para as questões ambientais está constantemente presente nos projetos pedagógicos das escolas estaduais de São Paulo. A partir de março, os alunos das unidades de Ensino Fundamental Anos Finais e Médio poderão intensificar estas discussões para participar da V Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente (V CNIJMA), que acontece de 15 a 19 de junho com o tema: "Vamos Cuidar do Brasil Cuidando das Águas".

A primeira etapa acontece dentro da escola, quando a comunidade levanta informações sobre a problemática da água na região e define em conjunto qual será o projeto de ação do grupo para mudar essa realidade. A proposta será defendida nas demais etapas pelo representante da unidade (delegado), escolhido pela comunidade juntamente com seu suplente. O delegado deve ser um(a) aluno(a) do 6º ao 9º ano com idade entre 11 e 14 anos.

Caso a comunidade escolar não esteja presente durante as discussões, caberá aos estudantes divulgarem o plano de ação nas redes sociais, jornais, internet, etc. A conferência na unidade de ensino deve ser realizada até 31 de março e o projeto deve ser cadastrado no site do MEC até 03 de abril (conferenciainfanto.mec.gov.br). Além do cadastro online, a escola deve enviar a proposta escrita juntamente com os documentos solicitados no regulamento para a Diretoria de Ensino (DE) até 6 de abril.

Até chegar à Conferência Nacional em Brasília, os alunos ainda apresentarão os seus trabalhos em seus municípios e estado. A etapa municipal, que é opcional a cada administração, deve ser realizada pela comissão regional da localidade. Já a estadual acontecerá até 09 de maio. Entre os projetos enviados pelas DE's para a Comissão Organizadora Estadual (COE-SP), serão selecionados os 100 melhores. O plano estadual será composto com base nessas propostas e será defendido, na etapa nacional, por 19 alunos escolhidos pela COE.

Após a última edição da Conferência, realizada em 2013, cerca de 1.700 escolas estaduais de São Paulo participaram. Para esta quinta edição a estimativa é que mais escolas se envolvam já que o objetivo é tornar a questão ambiental um hábito no planejamento escolar e ainda incentivar o diálogo envolver diretamente os jovens nas discussões e ações referentes a preservação ambiental.

Desde então, as escolas têm se mobilizado quanto à temática, desenvolvendo mais projetos neste contexto e participando de programas de incentivo como o PDDE (Programa Dinheiro Direto na Escola) ou de competições como a Feira de Ciências do Estado de SP e o Prêmio Zayed dos Emirados Árabes Unidos.

Para estimular e esclarecer como as escolas podem participar, a equipe de Educação Ambiental da Coordenadoria de Gestão da Educação Básica realizará videoconferência sobre a V CNIJMA pela Rede do Saber (www.rededosaber.sp.gov.br), aberta a todos os professores e gestores das escolas municipais, estaduais e particulares, nesta quinta-feira, 1, a partir das 9h.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias