Menu
quinta, 16 de setembro de 2021
Brasil

Consumo de peixes aumenta 15% na Quaresma e preço acompanha evolução

19 Abr 2011 - 16h36
0 - 0 -

O setor varejista aumentou em 15% a oferta de pescado para o período da Quaresma, quando o consumo de carnes brancas aumenta nessa mesma proporção. Segundo o Sindicato do Comércio Varejista do Distrito Federal (Sindivarejista), a estimativa é de que, em função da lei da oferta e da procura, o valor do peixe aumente e o quilo da carne vermelha diminua.

O sindicato alerta para a necessidade de pesquisar antes de comprar o peixe, não só devido ao preço, mas fazer uma análise do estabelecimento, que deve estar bem higienizado, do manuseio e do ambiente de manipulação do pescado, bem como dos instrumentos de trabalho do peixeiro.

Segundo dados do Ministério da Pesca e Aquicultura, o Brasil teve um aumento na produção e no consumo de pescado, nos últimos sete anos. Em 2003, produziu cerca de 990 mil toneladas de pescado. Em 2009, a produção anual foi de 1,2 mil toneladas de pescado, resultando num aumento de 20% nesse período. Já o consumo de pescado cresceu 40% entre os anos de 2002 e 2009.

De acordo com a ministra da Pesca, Ideli Salvatti, o país precisa e tem condições de aumentar a produção de pescado, por ter uma enorme diversidade de peixes, clima agradável e favorável, além de uma grande biodiversidade.

A China tem quase a metade da água doce que o Brasil tem e, lá, a criação e produção é 60 vezes maior que a do nosso país. "O Brasil tem todas as condições para se tornar o maior produtor de pescado do planeta, um quarto do que consumimos vem de fora," disse a ministra.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias