Menu
segunda, 23 de abril de 2018
Polícia

Viciados são detidos pelo TOR e indicam casa de traficante

04 Jul 2007 - 12h32Por Redação São Carlos Agora
Policiais Militares do TOR (Tático Ostensivo Rodoviário) conseguiram deter dois homens que estavam em uma moto na rodovia Washington Luís (SP-310) durante a madrugada do domingo (01). Momentos antes da abordagem, os ocupantes da moto dispensaramcerta quantia de drogas na pista. Depois de abordados, a dupla confessou que havia adquirido o entorpecente em uma boca de fumo localizado no bairro Antenor Garcia. Na casa indicada, a Polícia prendeu o servente de pedreiro J.R.T.S. de19 anos. O mesmo negou ser traficante, mas embaixo da cama foi encontrado meio tijolo de maconha.O flagrante teve início por volta da 1h20. A viatura do TOR, realizava rondas preventivas na SP-310 na pista sentido São Carlos à Itirapina quando avistaram a moto Yamaha YBR, prata, ano 2.006, placas DEO 8319 – Itirapina ocupada por dois homens. Ao perceberem a aproximação da viatura policial, o condutor da moto passou a imprimir maior velocidade. Em seguida o garupa jogou algo na pista. A moto era pilotada por D.F., 45 residente em Itirapina e na garupa estava o jovem F.M.F. de 20 anos, morador em Santa Rosa do Viterbo.Indagados sobre o que haviam jogado na rodovia, ambos tentaram despistar os PMs, porém ao apanharem o pacote dispensado, verificaram que se tratava de um invólucro de maconha. F.M.F., informou que havia comprado à droga por R$ 50,00 em um ponto de drogas localizado no Antenor Garcia. Cerco na casa- Detidos estes dois homens apontaram aos Policiais Rodoviários em que casa a droga havia sido adquirida. Chegando ao bairro a viatura se dirigiu até a travessa Sete, casa 1578. O local foi cercado sem dar chances para que o servente de pedreiro J.R.T.S. de 19 anos tivesse chances de fugir.Detido o servente negou ser traficante e que muito menos havia vendido drogas para os dois homens abordados na rodovia, porém ao revistar a casa os Rodoviários encontraram debaixo do colchão da cama do servente um pedaço de tijolo de maconha e uma faca utilizada para contar o entorpecente.Diante dos fatos o J.R.T.S. recebeu voz de prisão e foi encaminhado ao Plantão Policial, juntamente com os dois ocupantes da moto. Depois de ouvir as versões dos envolvidos, o delegado Mauricio Antônio Dotta e Silva, elaborou um termo circunstanciado de porte de entorpecente contra o lavrador de Santa Rosa do Viterbo que foi liberado junto com o amigo de Itirapina. O servente de pedreiro foi autuado por tráfico de drogas e encaminhado para o centro de triagem de Descalvado para depois ser transferido para o Centro de Detenção Provisória (CDP) da Penitenciária II de Itirapina, onde aguardará providências da Justiça de São Carlos.
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias