Menu
quarta, 17 de outubro de 2018
Polícia

Policia Militar Comissários de Menores e Fiscalização realizam operação Moralização IV

01 Out 2007 - 19h12Por Redação São Carlos Agora
A Policia Militar,Comissários de Menores da 2 Vara da Infância e Juventude da Comarca de São Carlos/SP e a Fiscalização  realizaram uma operação noturna nos dia 28, 29 e 30 de Setembro no Shopping Iguatemi,Boates, Discotecas, Bares e praças públicas no intuito de realizar vistorias em estabelecimentos comerciais para verificar a  permanência de menores em desacordo com o Alvará Judicial a venda de bebidas alcoólicas para menores de 18 anos,além de coibir o trafico e uso de entorpecentes e  verificar a denuncia de perturbação de sossego, barulho, algazarras, menores de 18 anos, prostituição, trafico de drogas e funcionamento além do horário permitido pelo Decreto 405/06  No Shopping Iguatemi a noite os Comissários de Menores realizaram vistorias no intuito de verificar a venda e consumo de bebidas alcoólicas para menores de 18 anos A Policia Militar realizou diversas deligências e abordagens no local, principalmente para verificar o uso e trafico de entorpecentes. Apenas um maior embriagado que estava importando as pessoas que estava na Praça de Alimentação foi orientado a parar de beber e se comportar de forma adequada. Não houve irregularidades penais e judiciais Esse trabalho preventivo é realizado constantemente pois o local é o maior centro de encontro de pessoas de nossa cidade. O trabalho visa manter a ordem e moralidade pública no local e visa coibir possíveis abusos dos adolescentes no local, afirmou o Comissários de Menores Rodolfo Tibério Penela. Segundo o Capitão Samir, esse trabalho preventivo nos bares e similares coibindo crimes de pequeno porte e contravenções penais inibe que esses lugares transformem-se em lugares inapropriados para a freqüência de menores e adultos Após esse trabalho, os Comissários de Menores e Fiscalização realizaram um trabalho preventivo nos Bares e Similares para verificar o cumprimento do horário de funcionamento do estabelecimentos, sendo que nenhuma irregularidade foi constatada.  No Sábado a tarde a Policia Militar e os Comissários de Menores foram realizar uma blits na Avenida Pau Brasil onde fica localizado a Cachoerinha do Cardinalli em cumprimento do Mandado de Fiscalização 70/07 da Vara da Infância e Juventude. Neste local estava sendo realizado um,a investigação sobre menores de 18 anos que estavam indo no local para beber e ingerir drogas. Anteriormente a esta operação foi realizado uma investigação para apuração dos fatos e o levantamento do dia e horário que esses menores estavam indo neste local O menor D.P.R foi flagrado com um invólucro de maconha e o menor B.F.S confessou que estava fumando maconha. O mesmo se encontra de Liberdade Assistida.O menor R.F.B que se encontra-se de Liberdade Assistida e o maior G.V.S foram identificados apenas para averiguação.Os menores foram conduzidos ao NAI e foi elaborado Boletim de Ocorrência Judiciário para apuração doa fatos O local estava se tornando um ponto de uso de drogas e bebidas, pois esses menores que vinham de todos os lados da cidade, em sua maioria, já possuem passagem por porte e trafico de entorpecentes, e esse local por ser deserto é propricio para isso, afirmou os Comissários de Menores e Policiais Militares que participaram da operação O Comissário de Menores Rodolfo Tibério Penela afirmou que será realizado um Relatório Circunstanciado dos fatos ocorridos no local e que o mesmo será passado para o Juiz da 2 Vara Criminal da Infancia e Juventude de São Carlos. Ainda nesta noite, a Força Tarefa fiscalizou o Bar Lídias localizada na Rua Riskalla Haddad, 1347, Santa Felicia foi aplicado de auto de Interdição por funcionar sem o respectivo alvará de funcionamento e Boletim de Ocorrência Judiciário perante o fato de existir uma mesa de bilhar em desacordo com o Art.80 do Estatuto da Criança e do Adolescente perante ao fato que o Imóvel não possuir espaço fechado que não seja permitida a entrada e a permanência de crianças e adolescentes no local, afixando aviso para orientação do público.           Logo após na Lanchonete Sete localziado na Avenida Desembargador Julio de Faria, 990, Vila Carmnem, foi constatado a atividade de musica ao vivo com perturbação de sossego. Foi lavrado pela Fiscalização notificação para interromper atividade de música ao vivo.  No Quiosque Bar que fica localizado na Avenida Miguel Petrone, 2396, Jd. Acapulco o estabelecimento encontrava-se em funcionamento sem o devido Alvará de Licença e foi Interditado ate a sua devida regularização.O referido estabelecimento já havia sido notificado a regularizar a sua situação. Nesta vistoria a Policia Militar apreendeu uma moto sem a documentação correta                Logo em seguida, o Bar e Lanchonete Cowboy Ltda ME localizado na Rua Sebastião de A. Sampaio, 1747 – Vila Boa Vista foi notificado para respeitar interdição e aplicação de auto de infração por descumprimento de horário estipulado e perturbação do sossego público e funcionar sem o respectivo alvará de funcionamento         Em torno das 12:10 horas foi realizado vistoria nos Bares na Rua Sete de Setembro próximo a Câmara Municipal. A Prefeitura Municipal e Prefeitura Municipal estipularam que os estabelecimentos que exercem a atividade exclusiva de bar deverão fechar seus portões até a meia noite. Os dois bares que possuem musica ao vivo e que cobram ingressos para adentrar no local poderão continuar funcionando normalmente. Essa medida visa diminuir os problemas e acumulo de pessoas bebendo na Praça Coronel Salles , bem como coibir o uso de entorpecente, afirmou o Capitão Samir A Guarda Municipal também colocou uma viatura no local Para finalizar a noite, foi realizado trabalho especifico na Praça XV onde diversas denúncias de menores de 18 anos bebendo e usando drogas.   Nas deligencias realizadas no local foram constatados dois menores de 18 anos ingerindo vinho. Os dois foram orientados a parar de beber e foi elaborado Boletim de Ocorrência Judicario para a apuração dos fatos. A operação teve o Comando do Sargento Saonicolo e apoio da Força Tática, , Comissários de Menores Geremias Valério e Fiscais Marco Antonio Marques, Rodolfo Tibério Penela , Rogério Silvio Marolde e Jose Luis Rodrigues No Domingo foi dado continuidades aos trabalhos nos estabelecimentos que exercem atividade somente para adolescentes Nas 04 Discotecas foram verificados principalmente a permanência de menores em desacordo com o Alvará Judicial e a venda de bebidas alcoólicas para menores de 18 anos            O trabalho preventivo nestes estabelecimentos visa adequar os estabelecimentos a cumprirem a as regras estabelecidas no Estatuto da Criança e do Adolescente e restrições de permanência de idade estipulada pela 2 Vara Criminal da Infância e Juventude de São Carlos/SP            Na primeira vistoria no Clube de Campo da Abasc, foi constatado que o referido estabelecimento estava realizando a atividade de Discoteca com banda de Domingo em um dos salões de festas do local. Nesse local foi verificado que a maioria dos clientes são maiores de 18 anos. Não foram constatadas irregularidades penais e judiciais No Café Cancum que exerce a atividade de Discoteca exclusivamente para menores de 18 anos, foi verificado que o estabelecimento vem cumprindo as orientações dos Comissários de Menores de não vender em seu Bar bebidas alcoólicas. Nessa vistoria não foram encontradas irregularidades judiciais e penais Na Discoteca Satori que exerce a atividade de Discoteca exclusivamente para menores de 18 anos, foi verificado que o estabelecimento vem cumprindo as orientações dos Comissários de Menores de não vender em seu Bar bebidas alcoólicas. Nessa vistoria não foram encontradas irregularidades judiciais e penais    Na Ultima vistoria no Espetinhos Grill foi constatado que o referido estabelecimento estava realizando a atividade de banda de pagode . Nesse local foi verificado que a maioria dos clientes são maiores de 18 anos. Não foram constatadas irregularidades penais e judiciais. Percebemos que esse trabalho preventivo contínuo de conscientização e padronização dos critérios nas Casas que fazem atividade para adolescentes vem surtindo o efeito desejado, afirmou os Comissários de menores Rodolfo Tibério Penela e Geremias Valerio                                                    O resultado da operação foram os seguintes: 02 Estabelecimentos Interditados por não possuir Alvará de Licença. 01 Estabelecimento fechado por descumprir o Auto de Interdição 01 multado e fechado por descumprirem o horário de funcionamento 01 estabelecimento com a atividade de musica ao vivo paralisada 02 Estabelecimentos com a mesa de bilhar em desacordo com o ECA 02 menores de 18 anos flagrados ingerindo bebida alcoólica 02 adolescentes flagrados ingerindo drogas 04 Discotecas vistoriadas 03 Boletim de Ocorrências Judiciais lavrados 200 estabelecimentos vistoriados para verificar o cumprimento do horário de funcionamento            
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias