Menu
quinta, 26 de abril de 2018
Polícia

PM acredita que o pequeno Lucas possa ter sido raptado

24 Jun 2008 - 13h58Por Redação São Carlos Agora
Após quatro dias de intensas buscas, os trabalhos foram interrompidos hoje, devido a chuva que cai sobre a cidade. Desde ontem (23) Uma força tarefa com a participação de parentes, policiais, bombeiros e até atiradores do Tiro de Guerra, pertencentes ao Exército procuram o pequeno Lucas Pereira, 2 anos, que, a principio, sumiu no últimosábado, em meio a uma mata próxima a casa da família no Jardim Beatriz, em São Carlos. A família não sabe como sumiu. A nova suspeita é que o garoto possa ter sido raptado. "Não sabemos exatamente o que aconteceu, mas a nossa principal desconfiança é que o irmãozinho mais velho dele, de seis anos de idade, abriu o portão para ir até a casa do primo que é vizinho e o Lucas saiu junto sem ninguém perceber nada", diz o tio do menino, Marco Antônio Pereira. As crianças estavam em casa junto com a avó que fazia a comida e limpava os cômodos. O garoto, segundo o tio, morava em um condomínio no Rio de Janeiro e tinha acabado de se mudar para São Carlos junto com a mãe, que nasceu na cidade. O pai é engenheiro e trabalha em uma plataforma da Petrobrás. Hoje, devido a uma chuva que cai na cidade, as buscas foram interrompidas. Ontem, a força tarefa percorreu quase 160 hectares da mata. "Isso (mata) era uma pedreira que foi abandonada e sempre foi um risco. Há uns três anos um outro menino sumiu aqui e, depois, foi encontrado morto", lembra o tio. Os pais do menino não foramencontrados para comentar o desaparecimento. O tio, inclusive, não estava conseguindo contato com a irmã na manhã de hoje. A família procurava uma casa e pretendia se mudar para São Carlos.O comandante interino da 1ª Companhia de Policiamento Militar, de São Carlos, tenente Paulo Roberto Nucci Junior, acredita que o menino não tenha desaparecido na mata. "Procuramos por tudo e não encontramos nem sinal da criança", afirma o policial que estuda se novas buscas serão realizadas. "Já estamos trabalhando com a hipótese do menino ter sido levado por alguém", adianta o tenente, sem dar mais detalhes.
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias