Menu
terça, 21 de agosto de 2018
Polícia

Ladrão leva documentos e objetos de residência no centro

02 Jan 2008 - 01h09Por Redação São Carlos Agora
Na noite de sábado a polícia registrou um audacioso furto em residência na área central da cidade, onde um ladrão, aproveitando uma janela aberta, mesmo percebendo que havia três pessoas dormindo não se intimidou e praticou o crime.  Segundo apurado por volta das 20h45, o supervisor de telemarketing Aliston Henrique Monte, 30, a pedagoga Mileny Moreira Monte, 29, e a administradora de empresas Mileny Moreira Pinto Sanches, 30, chamaram a polícia relatando que no início da manhã acordaram em virtude de ouvirem barulho no veículo que estava na garagem e ao averiguarem o que ocorria avistaram um ladrão tentando abrir o carro, o qual flagrado dizendo que iria atirar fez com que todos voltassem para o interior da casa. Com a fuga do ladrão, inicialmente eles imaginavam que teriam evitado o furto do automóvel, porém ao avistarem uma janela aberta, perceberam que o ladrão com as vítimas dormindo não se intimidou e invadiu a casa, furtando de Alisto: documentos pessoais, cartão magnético do banco Itaú, documentos de seu veículo, um Pálio, com placas de Belo Horizonte – MG, o toca CD do carro, dois celulares (Motorola e Nókia), um par de óculos de sol e as chaves do veículo. Já de Melissa, foi apurado que o marginal levou: todos documentos pessoais, cartão do banco Itaú, vales alimentação, par de óculos, um celular Motorola, uma maquina fotográfica Cânon e de Mileny: um microsysten gradiente, uma corrente, dois anéis, um brinco, todos confeccionados em ouro, várias jóias em prata, outras jóias artesanais de pedras, três pares de tênis, uma mala marrom, uma mochila e uma sacola preta, as quais foram usadas para carregar todos os objetos levado pelo ladrão que seria um homem, moreno, alto, aparentando ter aproximadamente 25, anos, o qual desapareceu carregando documentos e objetos de suas vítimas. O caso foi encaminhado ao Plantão da Polícia Civil que registrou o crime que começa ser investigado em 2008.
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias