Menu
sexta, 22 de junho de 2018
Polícia

Força Tática prende adolescentes com cocaína e encontra rinha de galos

As aves apresentavam ferimentos graves pelo corpo

16 Dez 2006 - 11h35Por Redação São Carlos Agora
0 - 0 -

Na noite de ontem (15) Policiais da Força Tática receberam a informação que alguns adolescentes estavam comercializando drogas via telefone. O sistema funcionava como um disque-drogas, o cliente ligava e encomendava o entorpecente. Por volta das 19h00 o Tático Comando 38173 com Tenente Roney e equipe receberam uma denuncia anônima informando que a adolescente de 16 anos estaria vendendo entorpecentes na vila São João Batista através do disque-drogas. Os policiais conseguiram o número do telefone celular da adolescente e ligaram pedindo 20 papelotes de cocaína. A garota sem desconfiar que estava negociando com a Policia Militar combinou de entregar a encomenda alguns minutos depois no cruzamento das ruas Luis Bertollo com a Rafael de Senzi. Tudo combinado, os PMs esperaram um pouco e foram para o local onde encontraram a garota acompanhada de alguns rapazes no cruzamento. Na revista pessoal foi encontrado em poder do menor de 15 anos, 20 papelotes de cocaína, conforme o combinado via telefone com a garota. Durante a abordagem o telefone da menor tocou, e do outro lado era um eletricista que queria se encontrar com ela defronte ao ginásio do Zuzão para adquirir entorpecentes. O equipe do Tático 38178 foi até o local e surpreendeu o eletricista, porém nada de irregular foi encontrado com ele. Os policiais decidiram ir até a sua residência localizada na rua Ângelo Chivas, Jardim Munique II, fazer uma revista minuciosa, e nenhum material entorpecente foi encontrado, porém nos fundos eles localizaram 49 gaiolas com galos índios e uma “rinha” que era usada para briga de galos. Algumas aves apresentavam ferimentos graves decorrentes dos combates. Os adolescentes e o eletricista foram levados ao plantão policial, onde foi lavrado pelo Delegado um ato infracional de tráfico de drogas, e os menores foram conduzidos ao NAI. O Eletricista por sua vez foi autuado por crueldade contra animais e recebeu uma multa no valor de R$ 11.312,00. As aves foram apreendidas ficando a disposição da justiça.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias