Menu
sexta, 14 de dezembro de 2018
Polícia

DIG prende “tubarão” com duas armas na região sul de São Carlos

06 Ago 2014 - 08h21
Equipe do delegado Gilberto de Aquino tirou duas armas de circulação. - Equipe do delegado Gilberto de Aquino tirou duas armas de circulação. -

No final da manhã desta terça-feira (6) a Delegacia de Investigações Gerais (DIG) apreendeu duas armas que eram mantidas por um frentista em sua residência no bairro Cidade Aracy. Ele acabou sendo denunciado anonimamente aos investigadores da que vem realizando um mapeamento de marginais que estariam compondo uma quadrilha que durante os assaltos contra estabelecimentos comerciais da cidade realizam diversos disparos de armas de fogo.

Também no final da manhã a Polícia Militar apreendeu na região do Jardim Gonzaga um adolescente de 14 anos, que teria sido reconhecido como sendo um dos autores de um roubo contra um depósito de bebidas. O adolescente que foi encaminhado para DIG, foi ouvido em declarações pelo delegado Gilberto de Aquino e mesmo sendo reconhecido, negou sua participação nos crimes que vem aterrorizando vários comerciantes.

Aquino disse que sua equipe vem trabalhando com várias linhas de informações e vários marginais estão sendo identificados.

 “TUBARÃO” 

O delegado Gilberto de Aquino e seus investigadores passaram a realizar levantamentos sobre marginais que estariam envolvidos com crimes de roubos nos bairros Jardim Cruzeiro do Sul, Jardim Gonzaga, Zavaglia, Medeiros, Pacaembu, Monte Carlo, Cidade Aracy I e II, além do Antenor Garcia. Por volta das 11 horas, uma ligação anônima à DIG dava conta que um homem conhecido por “Tubarão”, estaria envolvido com roubos e disparos de arma de fogo na região sul de São Carlos. Após tomar conhecimento da denúncia parte dos investigadores seguiu para uma moradia da rua Antonio Vigne, no bairro Cidade Aracy II, onde ao serem recebidos por um aposentado de 61 anos, foram informados que o filho A.B.R., 20, que teria o apelido de “Tubarão” não se encontrava em casa, pois estaria trabalhando com fretes.

ARMAS

Alertado sobre a denúncia, o aposentado franqueou a entrada dos investigadores que seguiram para o quarto do filho, onde  localizaram sobre um revólver Rossi, calibre 38, de três polegadas, com numeração aparente, municiado com 4 cartuchos intactos e uma pistola importada da marca Beretta, calibre 7.6.5, tendo no pente três cartuchos intactos. Diante dos fatos, o aposentado foi encaminhado até a sede da DIG.

FLAGRANTE

Tomando conhecimento da detenção de seu pai, A.B.R., rapidamente procurou seu advogado e apresentou-se na DIG, relatando que as armas seriam de sua propriedade e que seu pai não tinha conhecimento delas. Ao realizar os levantamentos sobre o rapaz, que nega ter o apelido de “Tubarão” o delegado Aquino apurou que ele já teria envolvimento com crimes e que teria adquirido as armas de outra pessoa, bem como o revólver calibre 38 seria produto ilícito (roubo ou furto) em outra cidade.

Também indagado sobre roubos com disparos contra comércios, A.B.R., negou a participação em qualquer crime e disse que hoje está trabalhando com fretes. Após todos os levantamentos Allan recebeu voz de prisão e após ser ouvido na presença de seu advogado, foi autuado em flagrante nos artigos 12 (posse irregular de arma de fogo – referente ao revólver) e 16 (posse ilegal de arma de fogo de uso restrito – referente à pistola importada 7.6.5) ambos da lei 10.826/2003 (Estatuto do Desarmamento). Já no início da noite ele foi encaminhado para o Centro de Triagem (CT), onde aguarda as conclusões da Justiça Criminal e segue investigado pela DIG.   

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias