Menu
quarta, 22 de agosto de 2018
Polícia

Corpo de Bombeiros controla incêndio em cilindro de acetilênio

08 Set 2008 - 15h34Por Redação São Carlos Agora
Homens do Corpo de Bombeiros controlaram agora há pouco o incêndio em uma válvula em um cilindro de acetilênio, que estava no interior de uma loja de auto peças da avenida Getúlio Vargas. O gás que trabalha em conjunto com o oxigênio é utilizado para soldar peças metálicas.Os funcionários do local estavam trabalhando com o equipamento, quando a mangueira estourou, dando início ao incêndio. Algo de pior somente não aconteceu devido a ação rápida dos Bombeiros, que após debelarem as chamas, realizaram o resfriamento do recipiente. Não houve feridos.O acetilênioÀ temperatura ambiente e pressão atmosférica, o acetileno puro é um gás altamente inflamável, não tóxico, incolor, menos denso do que o ar atmosférico e com um odor agradável que lembra o éter. O acetileno industrial, devido à suas impurezas características, tem odor desagradável, semelhante ao do alho. Por razões de segurança, o acetileno é armazenado e transportado em cilindros de aço, dissolvido em acetona que por sua vez encontra-se adsorvida em uma massa porosa incombustível. A pressão de um cilindro cheio varia muito com a temperatura e porosidade da massa, porém, é cerca de 17,2 bar à 21ºC.AplicaçõesPor causa de alta reatividade, o acetileno é um produto químico extremamente versátil em processos de síntese orgânica. A maior parte do acetileno produzido é usada em síntese de: cloreto de vinila, PVC, acetato de vinila, acrilonitrila, vinil éteres, vinil acetileno, tricloroetileno, percloroetileno, etc.Devido à alta temperatura de combustão, grandes quantidades de acetileno são usadas, em conjunto com oxigênio, para corte de metais principalmente aço em processos chamados de oxi-corte. Na área de soldagem, o processo de soldagem oxi-acetilênico é também muito popular. Em laboratórios, é utilizado em conjunto com o óxido nitroso para gerar a chama dos equipamentos de absorção atômica.Efeitos sobre o homem e toxicidadeO acetileno não é tóxico, porém, atua como simples asfixiante e tem efeito ligeiramente anestésico. Não existem evidências de que exposições regulares a níveis toleráveis de acetileno causem mal a saúde. Nos Estados Unidos, o limite Maximo permitido no ambiente de trabalho é de 5000 ppm (0,5%).No Brasil o anexo número 11 da Norma Regulamentadora 15 (NR 15), considera o produto como asfixiante simples e não impõe limites de exposição, entretanto, no ambiente de trabalho, deve-se garantir que a concentração de oxigênio seja de 18% em volume.As situações, nas quais a concentração de oxigênio estiver abaixo deste valor serão consideradas de risco grave e iminente. Obviamente, devido à alta inflamabilidade do produto, deve-se garantir que o limite inferior de inflamabilidade do acetileno, 2,5% no ar atmosférico, jamais seja atingido, por isso, é recomendável que o limite de 0,5% de imposto nos Estados Unidos seja obedecido.Primeiros SocorrosUma pessoa que seja vítima de asfixia por acetileno, deve imediatamente ser removida para uma área descontaminada, de preferência ao ar livre. Caso a pessoa esteja apresentando dificuldade respiratória pode ser administrado oxigênio. Caso a pessoa apresente perda de consciência e parada respiratória, é necessário fazer respiração artificial (boca a boca) seguida de administração de oxigênio. Caso haja parada cardíaca, será necessário administrar massagem cardíaca simultaneamente à respiração artificial, fazendo-se 5 massagens cardíacas e 1 respiração artificial alternadamente. Em qualquer caso chame imediatamente um medico ou socorro especializado.
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias