Menu
quarta, 12 de dezembro de 2018
Polícia

Barbaridade: Preso rapaz que espancava e obrigava adolescentes a se prostituírem

06 Dez 2007 - 12h45Por Redação São Carlos Agora
A Polícia Militar de São Carlos prendeu nesta terça-feira (04) um homem acusado de manter em uma casa duas adolescentes em cárcere privado. M.D.J. de 26 ainda agredia com golpes de facão as garotas e um rapaz de 25 anos que também morava no local. O três eram obrigados a fazer programas sexuais para levantar dinheiro para a compra de drogas. Quando os policiais chegaram na casa invadida situada no bairro Morumbi, encontraram as duas meninas em um dos cômodos e ambas aparentavam estar sob efeito de drogas ou álcool. O rapaz de 25 anos foi encontrado escondido de baixo da cama. No local as vítimas disseram que eram obrigadas a fazer programas, porém na delegacia da mulher, elas mudaram as suas versões, inclusive um delas chegou a declarar que fazia programas porque gostava e que usava o dinheiro para comprar entorpecentes, mas todas acusaram M.D.J de agredi-las constantemente. As adolescentes não souberam informar o paradeiro de seus pais.
O fato aconteceu por volta das 10h. Segundo apurado o Conselho Tutelar pediu apoio para a PM para verificar uma denúncia de que na rua Icaraí, 145, no Morumbi, uma casa havia sido invadida por viciados em drogas e que um rapaz mantinha sob cárcere privado algumas adolescentes afim de usa-las para prostituição.
Diversas viaturas foram para o local e encontraram um terreno cheio de sujeira e entulhos. Ao entrar na residência os policiais encontraram as duas adolescentes. Perguntado a elas sobre o desocupado, as mesmas disseram que ele havia acabado de sair. As meninas estavam visivelmente alteradas e bastante agitadas. Uma delas possuía cortes nos pulsos, braços e pernas. A residência que não possuía nenhuma condição de moradia servia como reduto para uso de drogas, inclusive foram localizadas duas pedras de crack, embalagens de droga e maricas, além de um facão usado para cortar cana, o mesmo que pode ter sido utilizado para agredir as garotas.
Ao revistarem a casa os policiais encontraram escondido sob a cama o jovem C.H.S.S., 25. Ele estava muito assustado e se recusava a sair do local e somente após muita conversa foi que ele acabou atendendo a solicitação dos policiais. Ele e as duas adolescentes disseram a Polícia que moravam na casa junto com M.D.J., que os obrigava a fazer programas sexuais e depois tomava o dinheiro para adquirir crack. Todos declararam ainda que eram espancados frequentemente pelo acusado.
No momento em que acontecia o flagrante uma outra viatura da PM patrulhava a região e acabou localizando nas proximidades M.D.J., que havia acabado de se envolver em uma briga. Ele estava fora de si e não respondia as ordens dos policiais e em todo momento gritava o nome de uma das meninas. Na delegacia da mulher o rapaz teve que ser contido pelos policiais, pois o mesmo estava muito agressivo. Por volta das 15h a delegada Eleuse Maria Gaspar Martins, encerrou o flagrante e acabou autuando M.D.J. pelos crimes de corrupção de menores, favorecimento a prostituição e lesão corporal dolosa. Após a elaboração do flagrante o acusado foi encaminhado para o Centro de Triagem de são Carlos onde aguarda transferência para algum Centro de Detenção Provisória da região. Já o rapaz de 25 anos foi liberado e as adolescentes ficaram a disposição do Conselho Tutelar que não informou em que unidade de proteção as duas seriam abrigadas.
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias