Menu
terça, 11 de dezembro de 2018
Esportes

PM de São Carlos morre em acidente na capital

10 Nov 2008 - 13h38Por Redação São Carlos Agora
Foi sepultado na manhã de ontem em São Carlos o corpo do soldado da Polícia Militar Sebastião Gilmar de Abreu, 34, que morreu após deixar o trabalho no batalhão onde era lotado e se encaminhava para um local na região central de São Paulo, onde faria um curso e regressaria ao convívio da família na tarde de domingo.

Segundo familiares, Gilmar, trabalhou durante toda a noite de sábado e madrugada de domingo, quando por volta das 7h, após deixar a sede do 19º Batalhão de Polícia Militar, localizado no bairro Sapopemba, região leste da capital, apanhou sua motocicleta e seguia para a área central de São Paulo, onde faria um curso de aperfeiçoamento e a tarde regressaria á São Carlos, pois estaria em folga.

De acordo com amigos, Gilmar, pilotando sua motocicleta pela avenida do Estado, teria perdido o controle e desgovernada a mesma veio a colidir violentamente contra uma mureta divisória de pistas e conseqüentemente Gilmar, acabou sendo arremessado contra a mureta, tendo morte instantânea.

Populares comunicaram a Companhia de Engenharia de Transito (CET), o Corpo de Bombeiros que enviaram viatura, que constataram a morte do PM. O comando do 19º Batalhão foi alertado de um dos componentes da corporação e após tomar todas as providencias, recolheu o fardamento e a arma do policial, o qual foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), localizado no bairro de Pinheiros, onde passou por necropsia e no início da tarde de domingo o comando do 38º Batalhão da Polícia Militar foi informado do policial na capital que residia em São Carlos, e um oficial da PM são-carlense esteve na residência do PM, localizada no Jardim Cruzeiro do Sul, onde a esposa do mesmo foi informada de sua morte e com apoio da PM de São Carlos, foi encaminhada á São Paulo, onde providenciou o translado do corpo do esposo com a PM, cujo mesmo somente na noite de domingo deixou a capital e pela madrugada de ontem chegou à São Carlos e foi encaminhado ao velório municipal, onde foi velado por amigos e parentes e por volta das 9h30, foi encaminhado em cortejo para o cemitério Santo Antônio de Pádua, onde foi sepultado por volta das 10h.

De acordo com familiares, a cerca de 6 anos, Sebastião Gilmar de Abreu, 34, que era casa e deixou dois filhos, teria ingressado na Polícia Militar da capital e tentava transferência para o 38º Batalhão da PM local.
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias