Dom, 18 de Fevereiro de 2018
Tamanho da Letra: mais menos
13/02/2018 - 07h46   |   Atualizado em 13/02/2018 - 07h49
Marcos Escrivani

Futsal: Asf São Carlos treina forte e primeiro desafio é o Joguinhos Abertos

Sob o comando do técnico Fabiano Lourenço e do preparador Chicão, as equipes de futsal sub17 e sub20 realizam atividades físicas intensas no ginásio municipal de esportes Hugo Dornfeld, na Vila São José.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Foram duas semanas de atividades com muita intensidade. A meta é dar um bom condicionamento a todos os jogadores e consequentemente o risco de lesões ser os menores possíveis.

PRIMEIRO DESAFIO

Durante o período do Carnaval, os jogadores ganharam folga, mas nesta quarta-feira, 14, as atividades retornam e o primeiro desafio são os Joguinhos Abertos do Interior, previstos para março.

Ainda no primeiro semestre há a perspectiva da confirmação são-carlense no campeonato da Liga Ferreirense.

22 ATLETAS

Em entrevista ao São Carlos Agora, o técnico Fabiano Lourenço fez as primeiras análises sobre o que espera das equipes. Sobre a categoria sub17 não fez comentário, uma vez que está sob a responsabilidade do professor Chicão.

Ele foca as atenções para a sub20, considerada a equipe principal de 2018 e a que representará a cidade nos Jogos Regionais, que terá São Carlos como sede.

Hoje ele trabalha com 22 jogadores, um número considerado alto, mas que é bom, já que instiga uma competição interna. "A busca pela titularidade é grande e isso é salutar", disse.

Nesta categoria, Fabiano afirmou ainda que fará um time sub18, para motivar os atletas mais novos e que irão competir nos Joguinhos Abertos do Interior. "Desta forma todos os atletas terão a oportunidade de jogar e mostrar do que são capazes", disse, salientando que o torneio é forte. "É destinado a equipes de todo o Estado e há as fases municipal, sub-regional, regional e estadual. Portanto, poderemos ter chances de competir boa parte do ano", salientou.

De acordo com o treinador, apesar de um número volumoso de atletas, há qualidade. "Temos hoje 22 atletas, mas o grupo é qualificado. Meu trabalho agora é formar um time competitivo através de treinos técnicos e táticos. Nas atividades iremos focar passes e posse de bola", finalizou.

comments powered by Disqus