Menu
quinta, 24 de janeiro de 2019
Seja Mais

Você vive ansioso(a)?

08 Jan 2019 - 07h38Por (*) Ju Ferraz
Você vive ansioso(a)? -

Você se considera uma pessoa ansiosa? acha que está fora do seu controle?

A ansiedade é uma emoção que todo ser humano tem, uns mais outros menos, porém quando se torna crônica é preciso buscar ajuda para que essa emoção volte ao seu ponto de equilíbrio.

Geralmente, ficamos ansiosos quando precisamos finalizar determinado trabalho, estudar para uma prova, ir para um entrevista de emprego, conhecer uma pessoa nova, contar alguma novidade ou dar uma notícia ruim a alguém, apresentar aquele relatório ao chefe, pagar as contas quando não temos um trabalho ou cliente, enfim, podemos ficar ansiosos por inúmeros motivos e situações.

Pode-se dizer que a ansiedade é uma preocupação de que nada saia da forma que queremos ou planejamos, é um medo natural que sentimos que é necessário para nossa evolução e sobrevivência. Mas, quando esse medo se torna constante a ponto de tirar nossa tranquilidade, de nos impedir de agir seja para o que for (dirigir, falar com as pessoas, sair de casa), trazendo tensão, muito estresse, insônia, preocupação exagerada, irritabilidade, transtornos físicos e mentais, você precisa buscar ajuda de um profissional para que sua vida volte ao equilíbrio.

Você já deve ter ouvido falar que todo excesso não faz bem, por isso a importância do autoconhecimento sempre, pois quanto mais você se conhece mais estará preparado para entender quando as situações e emoções estão saindo fora do controle e mais rápido conseguirá entender qual ajuda será necessário para cada caso.

Aproveite o início do ano para entrar em contato consigo mesmo, aprender mais, aproveitar as novas oportunidades, se autoconhecer, apoiar as pessoas com o que você sabe fazer de melhor, descarregar suas energias em algo criativo e gratificante.

Quando você busca seu equilíbrio, realização e tem um propósito de vida, sua vida fica mais leve, a paz reina em sua mente e alma. Desta forma, nada que venha em excesso pode te afetar, pois você estará confiante e em harmonia o suficiente para entender que aquela emoção excessiva de ansiedade e medo não é necessária.

Um grande abraço e até o próximo artigo!

(*) A autora é uma profissional facilitadora do autoconhecimento e auxilia as pessoas a transformarem seus objetivos em resultados, da cidade de São Carlos, graduada em Administração de empresas, no Centro Universitário de Araraquara, pós em gestão de produção pela UFScar, Coaching pela SLAC - Sociedade Latino Americana de Coaching. Contato e sugestões: faleconosco@saocarlosagora.com.br.

Esta coluna é uma peça de opinião e não necessariamente reflete a opinião do São Carlos Agora sobre o assunto.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias