Menu
terça, 11 de dezembro de 2018
Cidade

Santa Casa oferece estacionamento gratuito aos doadores de sangue

22 Set 2014 - 16h24

A Santa Casa Misericórdia São Carlos estabeleceu parceria com o estacionamento Paraki, localizado na Rua Paulino Botelho de Abreu Sampaio, 672 (na frente da Santa Casa), para a utilização gratuita do estacionamento pelos doadores de sangue do Banco de Sangue da Santa Casa.

As pessoas poderão estacionar durante o período da doação, basta que levem o comprovante do estacionamento a recepção do Banco de Sangue, o qual será carimbado e certificando a isenção da taxa a ser paga pelo tempo do procedimento.

O horário de funcionamento do Banco de Sangue é das 07h30 às 12h, de segunda-feira a sábado. Vale reforçar que o setor trabalha com coleta agendada de sangue no período da tarde. O doador liga definindo o horário mais adequado para fazer a doação. O estacionamento gratuito também está garantido no período da tarde.

O Banco de Sangue da Santa Casa necessita de doações diárias de sangue. Nos 20 primeiro dias de setembro o número de doadores chegou a 502; a meta é atingir 750 doações mês.

Dados indicam que nos meses de junho e julho as doações não atingiram o número necessário, registrando 605 e 710 doadores respectivamente. Em Agosto o número foi mais expressivo e chegou a 748 doadores.

Outro item importante é respeitar os intervalos estipulado entre doações. Para os homens são 60 dias e  no máximo de quatro doações nos últimos 12 meses. Já as mulheres intervalo de 90 dias e no máximo de três doações nos últimos 12 meses. Honestidade também salva vidas. Ao doar sangue, seja sincero na entrevista.

Há requisitos básicos para doação de sangue. Na triagem de doadores, o Banco de Sangue da Santa Casa obedece a normas nacionais e internacionais, como as do Ministério da Saúde, Associação Americana e Conselho Europeu de Bancos de Sangue. O alto rigor no cumprimento dessas normas visa oferecer segurança e proteção ao receptor e ao doador.

Confira os requisitos básicos e alguns dos principais impedimentos temporários e definitivos para doação de sangue. No entanto, esta lista não esgota os motivos de impedimentos para doação, de forma que outras informações prestadas por você durante a triagem clínica serão consideradas para definir se está apto para doar sangue nesse momento.

 

Requisitos básicos

. Estar em boas condições de saúde.

. Ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos (menores de 18 anos, veja abaixo os documentos necessários e formulário de autorização).

. Pesar no mínimo 50kg.

. Estar descansado (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas).

. Estar alimentado (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação).

. Apresentar documento original com foto emitido por órgão oficial (Carteira de Identidade, Cartão de Identidade de Profissional Liberal, Carteira de Trabalho e Previdência Social).

Documentação do menor

Os menores que vierem fazer sua doação no Banco de sangue da Santa Casa devem estar necessariamente, acompanhados, do responsável legal. No entanto, devem atentar à documentação necessária para fazer seu cadastro.

Só serão aceitos os candidatos que apresentarem os seguintes documentos:

- documento de identidade oficial com foto do menor (RG ou Carteira de Trabalho)

- documento de identidade oficial com foto (RG, carteira profissional emitida por classe, Carteira de Trabalho, carteira nacional de habilitação, certificado de reservista) de um dos pais ou outro responsável legal perante a Justiça.

Esses documentos ficarão retidos no balcão do cadastro.

 

Impedimentos temporários

. Resfriado: aguardar 15 dias após desaparecimento dos sintomas.

. Uso de antibiótico: aguardar 25 dias após a última dose.

. Gravidez: Aguarde 6 meses após parto normal ou cesariana.

. Amamentação: aguarde 12 meses após o parto.

. Ingestão de bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação.

. Tatuagem e Piercing: aguarde 12 meses após o procedimento.

. Situações nas quais há maior risco de adquirir doenças sexualmente transmissíveis: aguardar 12 meses.

. Acre, Amapá, Amazonas, Rondônia, Roraima, Maranhão, Mato Grosso, Pará e Tocantins são estados onde há alta prevalência de malária. Quem esteve nesses estados deve aguardar 12 meses.

 

Impedimentos definitivos

. Hepatite após os 11 anos de idade.

. Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue: Hepatites B e C, AIDS (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas.

. Uso de drogas ilícitas injetáveis.

. Malária.

Hepatite após o 11º aniversário: Recusa Definitiva; Hepatite B ou C após ou antes dos 10 anos: Recusa definitiva; Hepatite por Medicamento: apto após a cura e avaliado clinicamente; Hepatite viral (A): após os 11 anos de idade, se trouxer o exame do diagnóstico da doença, será avaliado pelo médico da triagem.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias