Menu
quarta, 12 de dezembro de 2018
Cidade

SAAE alerta sobre desperdício de água neste período de intenso calor e seca

15 Out 2014 - 22h41
0 - 0 -

Devido ao aumento na temperatura e à baixa unidade do ar nos últimos dias em São Carlos, o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) detectou um considerável aumento, de 10% a 15%, no consumo de água na cidade. 

Em algumas áreas da Vila Nery, por exemplo, região que concentra a distribuição de água para vários bairros, faltou água nesta quarta-feira (15), devido ao alto consumo. Segundo o presidente da autarquia, Sérgio Pepino, a produção não está conseguindo repor a quantidade de água consumida. “Quando cai o nível do reservatório até um nível crítico, por aumento no consumo, perde-se a pressão nos pontos altos e começa a faltar água. Não é um problema de manutenção ou questão técnica, mas sim pelo excesso no consumo”, explicou.  

Para que isso não ocorra, a autarquia reforça a necessidade da população estar consciente e evitar o desperdício de água. “Todos podemos cooperar, deixando de lavar carros e calçadas ou fechando a torneira enquanto escovamos os dentes. São atitudes simples que representam uma economia igual ao aumento registrado. Com um pequeno esforço será possível passarmos por esse período sem a necessidade de racionamento”, argumentou o presidente.

Sergio ressaltou o clima atípico que o Brasil tem vivido neste ano, lembrando que várias cidades do estado estão em condições críticas em relação ao abastecimento de água.  O Instituto Nacional de Meteorologia divulgou, nesta terça-feira (14), que o calor foi recorde para este ano no interior de São Paulo, com recordes históricos de 53 anos. Segundo dados do Instituto, no interior, as temperaturas continuam muito elevadas e podem alcançar marcas próximas dos 40°C até o fim da semana. “Temos um cenário preocupante em todo o país, mas São Carlos não chegará a ter racionamento se todos colaborarem e, se necessário, podem denunciar abusos por meio do telefone 0800111064, a partir da qual são feitas orientações ao consumidor”, comentou. 

Em alguns casos, manutenções e problemas técnicos podem, também, prejudicar temporariamente o abastecimento. É o caso da falta de água no grande Santa Felícia, incluindo Jardim Acapulco, Santa Elisa e Jardim Bandeirantes, observada no início desta semana, quando foi realizada a troca de uma das válvulas na região. “Desde então, equipes da autarquia estão buscando possíveis problemas técnicos decorrentes da intervenção, que pode ser um bolsão de ar na rede, para restabelecimento integral do serviço, o que deve acontecer em breve”.  

No jardim Cruzeiro do Sul, onde o SAAE está realizando manutenção corretiva com a troca de bomba, foi estabelecido um esquema de abastecimento via CDHU e Vila Alpes, além de três carretas transportando água para manter o reservatório cheio, a fim de minimizar o problema de falta de água.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias