Menu
terça, 19 de junho de 2018
Cidade

Buracos irritam motoristas

02 Abr 2008 - 19h00Por Redação São Carlos Agora
Faça chuva ou faça sol, eles estão lá: os buracos, prontos para danificar a suspensão, rodas e pneus dos veículos. Em muitas das situações os motoristas não tem outra opção: e cair ou cair. Várias ruas e avenidas da cidade estão contaminadas por eles, alguns pequenos outros nem tantos, mas todos eles incomodam, porém além do prejuízo e da irritação, existe a possibilidade de um acidente grave ser provocado por algum deles.
A equipe doSão Carlos Agorapercorreu algumas ruas da cidade, seguindo sugestões de leitores e usuário da comunidade “São Carlos” do Orkut. Na avenida Getúlio Vargas, um dos principais acesso a cidade, próximo ao trevo do Maracanã, além dos buracos existentes na via, outro problema enfrentado pelos motoristas são os reparos feitos anteriormente o que torna o asfalto irregular. O mesmo acontece em vários trechos da avenida Comendador Alfredo Maffei, principalmente no inicio, sentido centro – shopping. A reportagem apurou que a rua Maria Consuelo B. Tolentino, nas proximidades do Bicão, está com sua extensão praticamente comprometida devido ao grande número de buracos; muito deles profundos e largos. Os motoristas que trafegam pelo local são obrigados a dirigir em zig-zag, e como a via é mão dupla, muitas vezes são obrigados a passarem por cima do buraco. Segundo moradores do local, o problema é antigo e quando chove a situação piora ainda mais.
Outros pontos denunciados pelos leitores e usuários do Orkut são: rotatória do shopping, rua Iwagiro Toyama no Paulistano, rua Major José Inácio e rua Fagundes Varella, Jardim São Paulo.
O outro lado– Em nota a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Transporte, Trânsito e Vias Públicas, informou que realiza periodicamente a manutenção da malha viária com o recapeamento de algumas ruas: caso da rua Totó Leite e da rua Vicente Laurito. Também é realizada a operação “Tapa Buraco” que já percorreu vários bairros da cidade. A Prefeitura reforça dizendo que no período de chuvas, que ainda estamos vivendo, o asfalto sofre com a ação da água e os buracos surgem com mais freqüência, mesmo aqueles já reparados anteriormente. A secretaria, informa ainda que o serviço de “Tapa Buraco” deve retornar quando as chuvas não forem mais constantes.
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias