Menu
domingo, 21 de outubro de 2018
Cidade

Altomani e Hamam assinam convênio para instalação do Bom Prato em São Carlos

12 Mar 2014 - 20h16
Secretário Desenvolvimento Social estará no município nesta quinta-feira; a unidade servirá 1.500 refeições por dia, de segunda a sexta
 O município de São Carlos será beneficiado com uma unidade do restaurante popular Bom Prato. A assinatura do convênio será nesta quinta-feira (13), às 11h, na Prefeitura Municipal (Rua Episcopal, 1.575 - Centro). A inauguração está prevista para este ano. Até o fim de 2014, a expectativa é que o programa tenha 50 unidades em funcionamento. Hoje já são 41 em todo o Estado.
O secretário estadual de Desenvolvimento Social será recebido pelo prefeito Paulo Altomani, e estará acompanhado do presidente do Instituto Professor de Amaro de A. Lima Sobrinho (Inpra), Amaro de Araújo Lima Neto. A entidade vai gerenciar o restaurante popular. 
 Para receber o Bom Prato, o prédio da Rua General Osório, 505 – Jardim São Carlos passará por adequações. O Governo do Estado investirá R$ 400 mil para obras e equipamentos. Também serão repassados R$ 1.793.880,00 como subsídio da alimentação durante 24 meses. 
 Serão 300 cafés da manhã ao custo de R$ 0,80 para o Estado e R$ 0,50 para o usuário, e 1.200 almoços de R$ 4,00, sendo que o usuário paga apenas R$ 1,00 pela refeição, como ocorre desde o lançamento do programa Bom Prato há 14 anos. 
O restaurante também terá um posto do Acessa São Paulo, com computadores e Internet gratuita aos usuários. A unidade de São Carlos também poderá sediar cursos na área de alimentação por meio do Via Rápida. Esses dois programas parceiros do Bom Prato também são do Governo do Estado. 
São Carlos terá Centro de Convivência do Idoso
 Além da assinatura do convênio do Bom Prato, o secretário Rogerio Hamam também vai anunciar a liberação de recursos de R$ 250 mil reais para implantação de um Centro de Convivência do Idoso para São Carlos. O equipamento atende pessoas acima de 60 anos oferecendo atividades, como oficinas de artesanato e bailes.Trata-se de um instrumento de proteção básica de caráter preventivo, contribuindo para o envelhecimento ativo, saudável e autônomo.
Renda Cidadã e Ação Jovem serão ampliados
Para as famílias em situação de vulnerabilidade social, cujo rendimento seja de até meio salário mínimo por pessoa, haverá a ampliação do Programa Renda Cidadã. A cidade, que já era beneficiada com 241 vagas, passa a ter 361 vagas, um aumento de 50%.Além da transferência de R$ 80 por família atendida, o programa estadual oferece cursos de qualificação profissional, palestras e outras atividades complementares que favorecem o desenvolvimento social das mesmas, impulsionando sua autonomia.
O mesmo aumento de vagas também será dado pela Secretaria de Desenvolvimento Social ao programa Ação Jovem. O total de beneficiários, que hoje é de 67, passará a 100 vagas a partir da autorização que será assinada por Hamam. Os beneficiários são jovens de 15 a 24 anos cujas famílias apresentem renda per capita de meio salário mínimo. O benefício de R$ 80 mensais é uma forma de incentivar o jovem a se manter na escola. O programa estadual também oferece atividades socioeducativas em período alternativo ao escolar.
 Sobre o Bom Prato
 O programa de segurança alimentar do Governo do Estado de São Paulo foi criado em dezembro de 2000 com objetivo de oferecer à população de baixa renda, refeições saudáveis e de alta qualidade a custo acessível.
 Atualmente existem 41 unidades no Estado, sendo 21 localizadas na Capital e as demais na Grande São Paulo, no interior e no litoral. A rede de restaurantes Bom Prato serve diariamente 69,71 mil refeições, entre almoço e café da manhã.
 O almoço, com 1.200 calorias, feito de arroz, feijão, salada, legumes, farinha de mandioca, um tipo de carne, pãozinho, suco e sobremesa (geralmente uma fruta da época) tem custo de R$ 1,00 para o usuário. 
 Já o café da manhã tem leite com café, achocolatado ou iogurte, pão com margarina, requeijão ou frios e uma fruta da estação. A refeição tem 400 calorias em média e custa R$ 0,50. O serviço foi implantado em todos os restaurantes do Estado em setembro de 2011.
Desde a implantação do Programa Bom Prato já foram servidas mais de 115 milhões de refeições e investidos mais de R$ 263,6 milhões.
 Serviço:
Liberação de recursos para São Carlos: Bom Prato, Renda Cidadã, Ação Jovem e CCI
Data: 13/03/2014, às 11h
Local: Prefeitura de São Carlos
Endereço: Rua Episcopal, 1.575 –Centro
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias